pessoa com uma caneta na mão analisando os gráficos de headcount

Indicador Headcount: o que é? Quais os benefícios?

O indicador headcount é um dos indicadores de RH que influenciam em várias decisões corporativas de naturezas diversas. Por isso, conhecer o termo, saber do que se trata e como funciona é indispensável.

Esse indicador, assim como outros, é uma fonte de dados. A partir da reunião e organização de informações, então, ele é capaz de ofertar à empresa (e a diversos setores) a possibilidade de tomar decisões baseadas em fatos.

Abaixo, então, conheça tudo sobre esse indicador que se mostra tão relevante no mundo corporativo. Dessa maneira, veja como ele pode ajudar a sua empresa e beneficiá-la!

Sumário

O que é indicador headcount?

Planilha Folha de Pagamento
gráfico de headcount sob a mesa ao lado do notebook

Esse indicador leva um nome inglês que, em tradução literal, significa “Contagem de cabeças”. Pois bem, é exatamente a isso que ele se refere.

Mas como assim? O headcount se baseia no conhecimento de quantas “cabeças” – isto é, quantos colaboradores – existem na empresa. Para isso, considera quais são os de cada setor, quais são suas responsabilidades e competências.

Ao mesmo tempo, também leva em consideração as atividades com as quais os colaboradores se envolvem, o que elas necessitam e quais são os cuidados necessários com elas.

A partir disso, então, esse indicador traz dados que ajudam a empresa a entender questões como a necessidade de contratação maior de pessoal. Ou, então, qual tipo de profissional é necessário na corporação, cujas competências ainda inexistem ali nesse espaço.

Outros pontos interessantes é que isso ajuda nos investimentos financeiros, bem como em decisões que afetam a toda a empresa. Por isso, mesmo que seja um indicador de RH, o headcount vai muito além e reflete suas informações e importância em todos os departamentos.

Para que serve o indicador headcount?

Ele serve para inúmeras questões. Por exemplo, veja as principais delas:

  • Analisar o recursos humanos que a empresa detém;
  • Conhecer as competências e falhas de setores;
  • Verificar necessidade de treinamentos e capacitação.

Esses dados, então, podem ser comparados com questões como:

  • Quais são os objetivos da empresa;
  • Qual a situação atual da empresa;
  • Eventuais novos projetos e planos.

Nesse sentido, por exemplo, é possível analisar se as competências atuais dos colaboradores são suficientes para alcançar os objetivos da empresa e para desenvolver os novos projetos que ela possui.

Isto é, é possível utilizar os dados para conferir eventual necessidade de novas contratações (e o que os novos profissionais devem apresentar). Da mesma forma, de treinamentos e capacitações.

Em outras palavras, o headcount serve para ajudar a empresa a tomar decisões sobre o uso, contratação e direcionamento de pessoal.

Quais os benefícios de adotar o indicador headcount?

Existem vários benefícios em adotar esse tipo de indicador na sua empresa. Afinal, ele pode elucidar várias questões internas da corporação. Ao mesmo tempo, ajuda na tomada de decisões, inegavelmente. Veja as principais vantagens nos itens abaixo!

Para o RH

Primeiramente, com indicadores de headcount completos o RH pode direcionar melhor as suas ações. Por exemplo, as de seleção e recrutamento. Afinal, passa a saber onde a equipe falha, do que necessita e se precisa de novos membros.

Planejamento estratégico

Ainda, as estratégias da empresa também sofrem impacto desse indicador. Por meio dele é possível saber se os objetivos da empresa podem ser alcançados da forma como a corporação se encontra.

Da mesma forma, pode dar os indicativos do que a corporação necessita – mudanças, adições, subtrações – para que possa alcançar suas metas.

Finanças

Ainda, é claro que esse tipo de indicador também se mostra como um excelente aliado das finanças da corporação. Com ele é possível projetar orçamentos e definições de estratégias como promoções e aumentos salariais.

Como obter o indicador headcount em prática?

Pessoa analisando gráfico de headcount

Existem alguns passos que compõem o desenvolvimento desse indicador. Confira quais são eles para obter dados completos e relevantes para tomar as melhores decisões internas na corporação.

Faça a contagem (literal) de “cabeças” nas equipes

Primeiramente, o headcount – como o próprio nome já indica – requer a contagem de quantas são as pessoas que estão em cada equipe. Isso é o primeiro passo e, mesmo que básico, é indispensável.

Assim, é importante contar e listar quais são os colaboradores que estão em cada setor (financeiro, RH, administrativo, etc.).

Colete informações sobre cada um dos colaboradores de cada equipe

Continuando com os passos para desenvolver o indicador de headcount, saiba que não basta contar quantas pessoas estão em cada setor. Também é de extrema relevância que haja a reunião de dados sobre esses trabalhadores.

Tais dados se referem, por exemplo, às competências de cada um. Igualmente, às experiências, bem como certificações.

Junto a isso, deve-se entender como é o relacionamento do trabalhador com a equipe, como se enquadra no clima organizacional e suas falhas, por exemplo.

Ainda, colete dados sobre salário, benefícios e outros pagamentos que ocorrem em favor de cada colaborador.

Organize os dados em um organograma

Assim como outros tipos de indicadores de RH, o headcount também requer a organização de um organograma. Ele toma forma a partir da organização dos dados acima.

Isto é, de quais são as competências, conhecimentos e experiências de cada colaborador em cada setor.

Igualmente, quais são as atividades nas quais o trabalhador se envolve. Ainda, quais são as competências necessárias para essas ações.

É importante que a organização de informações permita em um rápido olhar entender como está a organização do setor.

Dados sobre o desempenho das equipes

Por fim, embora o headcount dependa do conhecimento de quem são as “cabeças” que compõem as equipes, também é preciso analisar esses grupos de modo mais generalizado. Isto é, não apenas pelo indivíduo, mas pelo setor em si.

Em outras palavras, é relevante para o desenvolvimento desse indicador obter informações sobre o desempenho da equipe. Sobre como ela funciona como um organismo completo formado por vários indivíduos.

Isso ajuda a entender se a soma das pessoas que estão no departamento é positiva para o desenvolvimento das atividades ou não. Isto é, se há necessidade de novas contratações, treinamentos, alterações de quadros, etc.

Como usar os dados obtidos por meio de headcount?

Use para as decisões da empresa. Por exemplo, para fins de contratações, treinamentos e desenvolvimento de políticas internas. Igualmente, na seleção e recrutamento e alteração de quadros de pessoas.

Outros pontos se revelam no uso dos dados para decisões e direcionamentos financeiros. Ainda, no desenvolvimento dos projetos, com conhecimento de suas necessidades frente ao que você possui disponível.

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau