Duas mulheres em uma entrevista de emprego.

Qual a diferença entre recrutamento e seleção?

Diversas funções fazem parte do dia-a-dia do RH, entre elas a busca por novos colaboradores e a escolha dentre os candidatos a uma vaga. Pensando nisso, elaboramos esse conteúdo para que você conheça a diferença entre recrutamento e seleção.

Já vamos adiantar que ambas caminham juntas, sendo processos integrados, porém, cada um com o seu papel. Boa leitura!

O que é recrutamento?

Recrutamento é o ato de atrair candidatos para ocupar uma vaga que está sendo ofertada pela empresa.

O recrutamento pode ser planejado de duas maneiras, para ocorrer externa ou internamente.

No modelo externo a vaga é disponibilizada para o público em geral, dando oportunidade para uma grande gama de pessoas e habilidades.

Já quando realizado externamente, o recrutamento busca oferecer a vaga para quem já atua na empresa, priorizando quem já participa do dia-a-dia da marca e deseja crescer ali dentro.

Como o recrutamento pode ser realizado?

Seja interna ou externamente, o setor de Recursos Humanos tem algumas possibilidades na hora de começar a recrutar candidatos para uma vaga:

  • Divulgação da vaga para empresas especializadas, que vão enviar um email ou mensagem para possíveis interessados;
  • Divulgação da vaga em canais de comunicação da empresa;
  • Divulgação da vaga em canais externos, através de propagandas em sites e afins;
  • Divulgação da vaga em redes sociais corporativas, como o LinkedIn;
  • Recrutamento ativo, onde a equipe de RH procura por profissionais com o perfil desejado e entra em contato.

O que é seleção de pessoas?

Continuando a busca para entender a diferença entre recrutamento e seleção, agora vamos explicar o segundo dentre os dois processos.

A seleção de pessoas é o processo posterior ao recrutamento, onde o setor do RH já coletou os dados dos candidatos e partirá para a triagem, selecionando o mais apto para ocupar a vaga.

Atualmente, existem departamentos que preferem terceirizar parte da fase de seleção, contando com soluções automatizadas que já realizam parte dessa triagem a partir de perguntas respondidas pelos candidatos.

Porém, também existem aquelas que preferem seguir o modelo tradicional, aplicando elas mesmas as etapas da seleção de pessoas.

Quais são as etapas da seleção de pessoas?

A seleção de pessoas, assim como o recrutamento, não precisa ocorrer de maneira engessada, sendo aplicadas as ferramentas que o setor julgar mais efetivas, entre elas estão:

  • Entrevistas;
  • Dinâmicas de grupo;
  • Teste comportamentais;
  • Provas.

Qual a diferença entre recrutamento e seleção?

Enquanto o recrutamento busca encontrar pessoas interessadas em ocupar uma vaga, a seleção se encarrega de escolher dentre esses interessados aquele que vai receber a oferta de emprego definitivamente.

Como já falamos antes, ambas as etapas caminham juntas e devem ser gerenciadas em proximidade também.

O ideal é que o setor de Recursos Humanos ao formular o seu processo de contratação de novos colaboradores considere as duas na elaboração, deixando que ambas sejam regidas pelo mesmos preceitos.

Por exemplo, se na etapa de recrutamento foram definidos pré-requisitos para a candidatura da vaga, a confirmação desses pré-requisitos deve ser obrigatoriamente uma das etapas englobadas pela seleção de pessoas.

Aprimore os seus processos de recrutamento e seleção em conte com profissionais ideais

Como você viu a diferença entre recrutamento e seleção é simples de entender, sendo um conceito subordinado ao outro.

O aperfeiçoamento de ambas as funções é fundamental para que a empresa conte sempre com profissionais ideais, minimizando erros que podem prejudicar a empresa na hora da contratação.

Se você gostou desse conteúdo, não deixe de acessar o blog da Oitchau e continue aperfeiçoando os seus processos de recrutamento e seleção.

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau