absenteísmo

Absenteísmo no trabalho: principais causas e o que fazer?

O absenteísmo é uma das principais fontes de preocupação dos gestores! Obviamente, mesmo os colaboradores mais eficientes têm imprevistos. 

Porém, quando o número elevado de faltas dos colaboradores começa a interferir nas estratégias da empresa, é preciso ter cuidado.

As ausências de trabalho interferem na produtividade e na integração das equipes. Sejam por motivos de força maior quanto por razões relacionadas à saúde.

Por esse motivo, o RH deve estar atento aos primeiros sinais de que esta situação esteja ocorrendo para que possa cortar o mal pela raiz.

Neste artigo, você vai conhecer um pouco mais sobre os motivos que podem levar aos altos índices de absenteísmo e o que fazer para resolver o problema!

Quais são as principais causas do absenteísmo? 

O absenteísmo pode ser causado por diversos e variados motivos, mas é possível agrupar em causas macros, para conseguir entender quais são os principais problemas que os colaboradores são acometidos.

Faltas por motivos de saúde

Absenteísmo

A primeira e mais comum causa do absenteísmo no trabalho está relacionada às doenças ou problemas de saúde. Infelizmente, o afastamento de colaboradores que desenvolvem doenças ocupacionais, como as lesões por esforço repetitivos (LER), é muito comum.

No entanto, outros fatores podem contribuir para que um colaborador sinta a necessidade de se afastar temporariamente do trabalho.

Em ambientes de trabalho muito competitivos ou em que os colaboradores trabalham sob pressão podem, em longo prazo, desencadear problemas psicoemocionais devido ao stress constante.

Aliás, pode-se dizer que o stress é o princípio de muitas doenças como transtornos de ansiedade e depressão no trabalho.

Imprevistos

Absenteísmo

No entanto, todos nós estamos sujeitos a imprevistos diariamente. Esta situação se agrava quando se leva em conta o fato de os colaboradores residirem em grandes cidades.

Como São Paulo, em que o trânsito, chuvas de verão, entre outros, são fatores que fogem do controle.

Além dos problemas de mobilidade urbana das grandes cidades, outros problemas pessoais podem ser responsáveis por afastar colaboradores do trabalho.

Alguns exemplos são:

  • dívidas,
  • divórcio,
  • doenças na família, etc.

Entre as causas do absenteísmo, também podemos citar o afastamento temporário de colaboradoras que se tornam mãe. Elas saem de licença-maternidade.

Por fim, o absenteísmo também pode ter origem na falta de comprometimento de alguns colaboradores. Estas pessoas se ausentam simplesmente por não se sentirem motivados a trabalhar ou porque estão em busca de oportunidades melhores.

O que fazer para eliminar o absenteísmo no trabalho?

Ao encarar altos índices de absenteísmo no trabalho, o RH deverá primeiramente, realizar um diagnóstico na empresa para descobrir o porquê desta situação.

Caso a origem do absenteísmo estiver ligada à saúde dos colaboradores, será preciso rever as políticas internas da empresa e promover um programa de qualidade de vida.

O foco do programa deverá ser o bem-estar e a integração dos colaboradores de modo a eliminar ambientes tóxicos que possam estar acabando com a harmonia no trabalho.

Já quando o absenteísmo está ligado aos imprevistos, uma boa é implantar uma política de flexibilidade de horário.

Ou seja, permitir que entrada e saída dos colaboradores sejam feitas em horários fora de pico evitando trânsito pesado.

Nos dias de chuvas intensas ou outras situações climáticas de atenção, é permitido que os colaboradores trabalhem remotamente.

O absenteísmo causado por falta de motivação pode ser resolvido com um diálogo aberto com o colaborador em questão.

Tentar compreender seus motivos com feedbacks sobre o ambiente de trabalho é uma forma do RH se inteirar do que acontece entre os colaboradores.

Vale citar que empresas que valorizam colaboradores e ouvem sugestões e críticas, promovem um ambiente de trabalho harmonioso e unido. Depois de eliminadas as causas, o clima organizacional será muito mais agradável a todos!

Qual a melhor solução para reduzir o índice de absenteísmo da organização?

Para o engajamento e satisfação dos colaboradores, o absenteísmo é um dos maiores problemas, além de afetar diretamente a produtividade da organização.

Mas é possível reduzir os impactos causados pela ausência.

Se a organização está passando por problemas pelas ausências em campo dos seus colaboradores, chegou o momento da adoção de medidas para a redução desse índice.

O primeiro passo é entender o que está causando tais ausências.

Cada colaborador pode ter um motivo em especial, já que todo mundo tem um dia que não é bom como deveria ser. Problemas de saúde frequentes estão entre os principais motivos.

Mas é importante que a empresa se preocupe e estude quais são os principais motivos.

Somente quando a empresa conseguir entender qual a causa está concentrando as ocorrências de ausências dos colaboradores que será possível atuar na prevenção desse cenário, com a criação de novas estratégias.

Quando o absenteísmo apresenta sinais de descontrole, ele pode revelar outras situações que não estavam claras, e que se não for devidamente tratada, pode ter impactos ainda mais graves, como:

  • Elevação nos números de turnover;
  • Redução da produtividade;
  • Sobrecarga nos colaboradores;
  • Insatisfação;
  • Recorrência de problemas de saúde;

Logo, a medida mais importante para redução das consequências é a identificação da causa raiz do problema, para que seja possível adotar medidas que visam corrigir o cenário, e em seguida, atuar na prevenção.

Entenda como é possível prevenir o absenteísmo nas empresas

Existem medidas para a redução das ausências na empresa, que podem ser adotadas posteriormente como forma de prevenção, sem que a empresa precise desligar o colaborador.

A perda de um colaborador, por motivos que não estão ligados à sua performance, qualidades e entregas, pode ser complicado para a empresa.

Já que estamos em um mercado cada vez mais competitivo, onde o desligamento de um colaborador talentoso, pode significar uma perda importante de capital intelectual. Logo, a prevenção se torna o melhor caminho.

Quais as medidas preventivas podem ser adotadas?

Mesmo que o absenteísmo seja um problema em muitas empresas, existem medidas preventivas para evitar que esse problema continue, e acabe fazendo parte da cultura da empresa. Veja a seguir!

Investimento em bem-estar e ergonomia

É possível realizar a criação de programas que auxiliam na melhora da qualidade de vida do colaborador, reduzindo os acidentes de trabalho e as doenças ocupacionais.

Tais medidas envolvem tanto o uso e fornecimento de EPIs adequados para cada atividade, quando o mobiliário adequado de acordo com o biótipo de cada colaborador.

Plano de saúde

O plano de saúde não é mais configurado como um benefício, ele faz parte de uma oferta básica em um pacote de remunerações que a empresa oferece no momento da contratação.

Mas para é necessário que ele seja de qualidade, com uma ampla rede de atendimento e compatível com o local que o colaborador reside, para que ele possa ser coberto caso aconteça algo com ele e/ou com sua família.

Essas medidas iniciais que podem ser adotadas como forma de prevenção ao absenteísmo nas empresas. O colaborador poderá ter o tratamento adequado com a sua saúde, melhoria na sua qualidade de vida.

Como o controle de ponto Oitchau pode ajudar sua empresa contra o absenteísmo?

controle de ponto

O absenteísmo, como vimos acima, é algo muito prejudicial às empresas. Ele traz prejuízos financeiros e de organização ao mesmo tempo em que sinaliza que algo não está bem no funcionamento interno da corporação.

Uma das melhores formas de lidar com ele e até mesmo de preveni-lo é com a adoção do sistema de controle de ponto Oitchau. Ele é digital e faz uso de inteligência artificial e inteligência de máquina.

Diferentemente dos sistemas de relógio eletrônico de ponto tradicionais, o sistema Oitchau reconhece e sinaliza as marcações de horários em tempo real. Na mesma hora em que o colaborador marca o ponto, ele sinaliza no sistema.

Essas marcações e informações ficam gravadas em um sistema de nuvem completamente seguro.

Isso dispensa a necessidade de manter um servidor físico que fica vulnerável a problemas com conexão na internet e falta de energia elétrica.

O sistema Oitchau permite a consulta aos horários e marcações em tempo real.

Isso dá a chance de que a sua empresa reconheça o absenteísmo com facilidade e não apenas ao final do mês, quando ele já pode ter dado muitos prejuízos.

Ao notar que um ou mais colaboradores estão com problemas que se revelam em faltas constantes, os gestores e o RH podem tomar atitudes imediatas. Conversar com o colaborador e encontrar a raiz do problema é essencial.

Isso também permite que a sua empresa se aproxime dos colaboradores e lhes dê espaço para que eles façam um feedback sobre como a empresa pode melhorar as condições e atrai-los de melhor forma.

Veja mais sobre o controle de ponto

Ao tratar do assunto com antecedência a empresa pode retomar as rédeas da situação e a organização interna, evitando prejuízos financeiros e de perda de talentos pela falta de gestão deles.

Outro ponto interessante é que o sistema de controle de ponto Oitchau é que ele permite outra forma de gestão de faltas. Dentro do próprio sistema os colaboradores e os gestores podem conversar e negociar ausências programadas.

Nesse caso há todo o registro da permissão da ausência. Dentro do sistema também se faz possível apresentar documentos comprobatórios de ausências, como atestados médicos ou outros do tipo.

Isso permite que haja a apresentação digital do documento, de forma que a via original sempre fica em posse do colaborador. Esse fator ajuda ao mesmo tempo na documentação sobre o histórico de ponto do trabalhador.

E não é só isso que o sistema de controle de jornada Oitchau oferece. Ao mesmo tempo em que ele permite um melhor controle sobre a abstenção dos colaboradores ele dá mais espaço para que o RH trabalhe na gestão deles.

Isso se deve ao fato de que o controle Oitchau realiza a gestão automática das horas. Ele faz o fechamento automático das horas, com o cálculo do número de horas extras, descontos por faltas, faltas justificadas e atualização de eventual banco de horas.

Note que isso pode economizar – e muito! – o tempo dos colaboradores do RH. E isso lhes permite voltar o tempo que seria gasto em burocracias para o desenvolvimento de políticas e projetos internos que podem melhorar a corporação.

1 comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau