Equipe de sucesso: Como liderar uma com excelência?

Sabemos que uma equipe de sucesso tem o poder de inspirar todos os que estão ao seu redor. No entanto, gerir pessoas nem sempre é fácil, requer o domínio de habilidades de liderança que acabam não sendo naturais para grande parte dos gestores.

Na maioria das vezes, significa navegar por diferentes personalidades, hábitos de trabalho e motivações pessoais diversas —  e é de responsabilidade desse profissional lidar com tudo isso, enquanto, ao mesmo tempo, desempenha suas próprias atividades, tendo em mente que os objetivos estratégicos da empresa devem ser repassados.

Qual a definição de líder?

O líder está em um conceito muito mais moderno, do que apenas o chefe de uma equipe. Ele é um personagem que deve ser considerado como parte de um conjunto, porém que possui uma capacidade potencializada de transformação.

A liderança não é considerada como um dom, contrariando o que muitas pessoas pensam. No entanto, podemos afirmar que existem perfis mais adequados combinados com uma personalidade que possibilita o destaque nesse tipo de papel. Ainda sim, é necessário o desenvolvimento com o tempo, experiência e dedicação.

Líderes não se formam de um dia para o outro, o processo de aprendizado faz parte do crescimento da carreira, e principalmente da vida, onde a soma de dois âmbitos, acrescidos de estudos, metodologias e boas práticas, formam um bom perfil de liderança.

Liderar equipe é um processo de desenvolvimento contínuo, e só pode ser realizado por aqueles indivíduos que estão buscando a atuação desse papel de forma conjunta, com uma equipe de sucesso.

O engajamento e a motivação dos colaboradores é um dos objetivos mais comuns e dos principais fatores que podem definir e distinguir um verdadeiro líder. E só é possível alcançar tais objetivos a partir de cursos especializados e estudos direcionados.

Entenda os fatores básicos do conceito de liderança.

Atualmente, conceituar liderança está indo muito além do que apenas uma posição superior na hierarquia empresarial, está sendo considerado como uma competência singular. Logo, estar à frente de um grupo de indivíduos, não o torna líder.

Definir atribuições, aguardar resultados e realizar cobranças são atribuições de um chefe, onde esse conceito já está mais adequado para a realidade.

O papel do líder no mercado de trabalho atualmente é dar um direcionamento para sua equipe, trabalhar em conjunto para que os resultados apareçam. Veja quais são fatores básicos de um líder de sucesso.

Colaboração

Esse é o fator primordial entre os dois personagens (chefe e líder), onde liderar equipe acaba sendo algo que não cabe na realidade de um dos dois.

Pois liderar equipe, no sentido literal, é aquele que delega atividades, e hoje, o líder ele é um integrante da equipe, que precisa estar ciente das “dores” do dia-a-dia, entender os processos, conhecer os desafios e traçar os objetivos.

Gestão de equipe (pessoas)

Um verdadeiro líder entende a importância de estar integrado, tanto com as pessoas quanto com as rotinas, conhecer e fazer parte de tudo que acontece. No entanto, o líder possui outros papéis além das relações interpessoais e alinhamento com a empresa, tem o ponto de gestão de pessoas.

Um dos principais pontos que difere um líder para um chefe é a capacidade de gerir pessoas com skills diferentes, personalidades diferentes e fazer com que isso tudo se equalize, para que a equipe trabalhe em harmonia, mantendo um ambiente de trabalho saudável.

Quando um líder consegue chegar até a equalização das diferenças, mantendo um bom clima de trabalho, os ganhos para a empresa não podem ser calculados.

Motivação

A motivação dos colaboradores é um dos outros fatores básicos que fazem com que um líder se diferencie de um chefe. Para liderar equipe com confiança, é necessário ter um bom relacionamento interpessoal com os membros, entender as diferenças e sobretudo, confiar na sua equipe.

O líder, a partir do momento, que está junto da equipe em todos os desafios, orientando e dando a direção correta, participando do dia-a-dia, e motivando a equipe. Todos sentem que fazem parte de uma equipe segura, e forte, mesmo que diferenças entre as pessoas existam.

Características de uma equipe de sucesso

Para construir uma equipe de sucesso e alto desempenho, o primeiro passo é garantir que o alicerce dessas relações profissionais seja firme e levantado por todos democraticamente.

E é partir dessa construção que naturalmente nasce um entrosamento, possibilitando o desenvolvimento de boas práticas de trabalho em grupo.

Sobretudo, a maior ‘carta na manga’ das equipes de sucesso se concentra na figura dos seus líderes.

Um bom gestor deve buscar sempre liderar pelo exemplo e inspirar admiração em quem faz parte do time: os integrantes daquele grupo precisam se sentir confortáveis e acreditar que é justo aquela pessoa ocupar a posição, afinal ela é a mais bem preparada para tal.   

Por falar nisso, a própria definição de líder é “pessoa que influencia um grupo de pessoas para a realização de um objetivo”, lembra? Ou seja, a liderança é a arte que te motiva a agir para realizar um objetivo comum.

Dicas de ouro para uma gestão bem-sucedida de uma equipe de sucesso

Neste contexto, vale acrescentar que existe um mito de que é difícil realizar um bom trabalho de liderança porque este só pode acontecer se ideias mirabolantes forem colocadas em prática.

Quando, na verdade, é justamente o contrário, as suas ideias não precisam ser totalmente originais, é necessário apenas que sejam eficientes e discutidas previamente com os seus liderados.

Abaixo preparamos mais algumas dicas que te ajudarão a acertar na hora de preparar o seu time para se tornar uma equipe de sucesso.

É importante salientar que essas dicas deixam bastante espaço para que o profissional possa aplicar sua marca pessoal de liderança e gerenciamento. Na verdade, não existem teses absolutas e uma fórmula a ser seguida quando o trabalho envolve lidar com as expectativas de cada pessoa.

1. Investir em treinamento e orientação contínua para uma equipe de sucesso

Não importa o quão excepcional seja o currículo de um profissional, ele não saberá automaticamente o que fazer quando encontrar a sua empresa.

O desenvolvimento de um bom trabalho requer uma integração efetiva e isso só acontece quando existe um método constante — e coletivo — para se promover a resolução de conflitos, busca de novas soluções e aprendizagem no geral. 

Criar uma periodicidade para os encontros em equipe também são uma oportunidade perfeita para o líder avaliar o trabalho construído até o momento e olhar com tempo hábil para as áreas nas quais melhorias podem ser necessárias.

equipe de sucesso
equipe de sucesso

2. Evitar posturas autoritárias e desenvolver uma comunicação mais humana 

A forma como um gestor se comunica com sua equipe reflete muito no ambiente de trabalho e no resultado da entrega individual. Posturas arbitrárias ou autoritárias costumam marcar negativamente a experiência de muitos profissionais no dia a dia, gerando até um alto índice de rotatividade.

Ter uma postura acessível aos colaboradores e buscar uma comunicação precisa e amigável continua sendo a melhor maneira de evitar ruídos. E isso vale para qualquer meio: seja uma conversa pessoalmente, por mensagem ou via telefone. A clareza coloca todo mundo na mesma página.

3. Definir metas realistas

Nada estimula mais o trabalho em equipe do que trabalhar pelo mesmo resultado. Não traçar nenhum plano ou estabelecer somente objetivos individuais, ou ainda, elaborar metas gerais impossíveis de se alcançar.

Isso faz com que muitas pessoas se encolham para focar no trabalho de forma pessoal. Isso sem contar no perigo de criar uma competitividade, minando assim, o espírito de colaboração.

Compartilhar quais são as metas de grupo juntamente com o que é traçado individualmente é o melhor caminho para fazer com que todos enxerguem quais serão as suas contribuições na construção de algo maior.

É importante também deixar a porta aberta para que seus liderados peçam ajuda antecipadamente, caso não consigam entregar o que foi solicitado.

4. Conhecer as pessoas que trabalham com você

Parece óbvio, mas é sempre válido reforçar que um time é composto por profissionais com realidades, qualidades, pontos fracos e visões de mundo diferentes. Manter conexões emocionais com todos ajuda a entender sobre mais algumas necessidades individuais que muitas vezes não ficam evidentes.

Evite utilizar exatamente a mesma abordagem ou tente moldar toda a equipe a partir de uma só perspectiva: concentre-se em adaptar a mensagem para se adequar a cada um deles

5. Recompensar publicamente e reconheça o trabalho duro

Entregar um excelente trabalho se torna uma tarefa mais gratificante quando nos sentimos valorizados. Esse movimento também nos motiva a buscar um reconhecimento por algo cada vez mais excepcional e, dependendo do resultado obtido, acaba gerando um sentimento espontâneo de lealdade. 

É função do líder promover a meritocracia dentro da equipe e recompensar publicamente quando bons resultados são atingidos pelos seus colaboradores. Neste ponto vale a pena usar a criatividade, criar um sistema de bonificação ou até mesmo pequenas premiações ao longo do ano.

6. Ajudar as pessoas a gostarem de ir trabalhar

Em tempos nos quais vemos com frequência empresas promovendo um ambiente de trabalho mais descolado, disponibilizando mesa de bilhar, cerveja durante o expediente e muitas outras ideias, é importante frisar que somente esses elementos não garantem que essas pessoas se sintam bem ou valorizadas pelo seu bom trabalho.

Converse com a sua equipe de sucesso para entender sobre quais benefícios valem a pena serem investidos e trarão retornos na satisfação desses colaboradores. 

7. Ouvir e fazer perguntas

Se alguém discorda de alguma decisão tomada ou do estilo de gerenciamento, é importante não silenciar essa pessoa em nenhuma hipótese. 

Ouvir é sempre a melhor saída. E em seguida, fazer perguntas como “O que você pensa sobre isso?” ou “Como poderíamos lidar com esse assunto?” são ótimas saída para não ignorar a opinião do colaborador e compreender o que está gerando o descontentamento. 

Esse diálogo aberto facilita a identificação proativa de possíveis problemas e fará com que a equipe de sucesso se sinta mais confortável para lidar com o que está sendo solicitado.

Veja também: Escala gerencial: Como aplicar e melhorar sua empresa?

Gostou das dicas sobre liderar equipe? Deixe o seu comentário e compartilhe estas dicas em suas redes sociais! Siga-nos também no Instagram!

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau