Controle de Ponto e RH - Gestão de Pessoas

Como criar uma cultura organizacional positiva na sua empresa?

Se você quer saber como é a cultura organizacional de uma empresa, comece a reparar na maneira como ela conduz os seus negócios e se relaciona com seus colaboradores, clientes e fornecedores.

Sob este contexto, se as suas estratégias não estão entregando o resultado esperado, uma transformação na cultura organizacional como um todo pode ser necessária. Tal transformação exige uma verdadeira revolução nos princípios da empresa: todos os hábitos, crenças, valores, normas e atitudes precisam ser revistas para que uma atmosfera de positivismo aconteça. Mas como fazer isso?

 

Cultura organizacional de uma empresa: o que é?

Se a cultura está relacionada com os hábitos, crenças e valores que um grupo de pessoas compartilha, pode-se afirmar que a cultura organizacional é o mesmo, porém o grupo é formado pelos gestores, colaboradores, fornecedores e clientes de uma empresa.

A cultura organizacional é reforçada diariamente pela maneira como os membros do grupo (empresa, fornecedores e clientes) se comportam, se comunicam, agem e produzem. Mas, de onde vem a cultura organizacional?

Ela é moldada de acordo com a história e costumes daqueles que construíram a empresa e o que eles absorveram de suas experiências no segmento, sobretudo os valores.

Dessa forma, a cultura organizacional é a essência da empresa. Ela pode ser vista e compreendida na maneira como os negócios são conduzidos e em como todos os envolvidos com ela se relacionam.

 

Por que é preciso se preocupar com a cultura organizacional de uma empresa?

Se a cultura organizacional está refletida na maneira como os negócios da empresa são conduzidos, isto quer dizer que os hábitos e valores da empresa impactam diretamente a produtividade dos colaboradores. Seja para o bem ou para o mal.

De acordo com um estudo conduzido pela Single Grain, a satisfação no ambiente do trabalho faz com que os colaboradores se tornem 12% mais produtivos. Por outro lado, colaboradores menos satisfeitos são 10% menos produtivos.

O que isto significa?

Significa que se a empresa está encontrando dificuldades em alcançar resultados, os colaboradores não estão motivados e, por isso, não são capazes de manter um bom índice de produtividade, isto pode ser reflexo de uma cultura organizacional negativa.

A boa notícia é que é possível virar o jogo e alcançar as metas estabelecidas com mudanças simples, mas que fazem toda a diferença. Porém, isso não vai acontecer do dia para a noite e é preciso ter disciplina e perseverança para transformar a atual cultura organizacional em positiva.

 

Tipos de cultura organizacional

A cultura organizacional é determinada a partir de sete características principais:

  • Orientação para resultados;
  • Orientação para os colaboradores (individualmente);
  • Orientação para as equipes (coletivamente);
  • Atenção aos detalhes;
  • Inovação;
  • Assertividade, e
  • Estabilidade.

Além disso, a cultura organizacional pode ser de vários tipos!

 

Cultura organizacional do poder

Neste tipo de cultura, o poder é retido por um indivíduo ou um grupo de pessoas, que influenciam as demais. A cultura organizacional do poder é vista frequentemente em pequenas empresas em que todo o poder de decisão está concentrado no dono.

Cultura organizacional das funções

Diferentemente do caso anterior, a cultura organizacional das funções é criada e mantida por regras. Neste tipo de cultura, os cargos e funções de cada departamento estão bem definidas e seguem uma hierarquia vertical.

Cultura organizacional das tarefas

Este tipo de cultura é orientada por projetos e na capacidade de solucionar problemas durante a execução destes. É uma cultura mais flexível que permite maior liberdade para agir com criatividade e inovação.

Cultura organizacional das pessoas

Aqui o foco está no colaborador, independentemente de seu cargo dentro da empresa. Há a valorização do feedback e cada membro da empresa compreende sua importância para que se atinja o sucesso.

 

Como construir uma cultura organizacional positiva

Vejamos a seguir, os pontos principais a ser considerados para transformar positivamente a cultura organizacional da empresa.

Reveja a missão da empresa

É fato que os lucros são importantes para uma empresa. Porém, dificilmente os colaboradores se sentem motivados apenas por este fator. O trabalho, por si só, já deve ser algo com o qual o colaborador se sinta bem for realizar e compreenda que a recompensa financeira é consequência de um trabalho bem feito.

Para isso, o primeiro passo é criar um conjunto de valores comum aos gestores e aos colaboradores. Elabore uma lista de valores que espera encontrar em seus colaboradores e determine parâmetros que eles precisarão seguir para realizar o trabalho.

Outro ponto importante é promover um senso de responsabilidade social, como ser uma empresa amiga do meio ambiente. Apoiar uma grande causa é um fator fundamental para a atração e retenção dos melhores talentos, o que nos leva ao próximo item.

Se quer ser a melhor, contrate os melhores

Dissemos no início deste artigo que a cultura organizacional está refletida também nos colaboradores. Sendo assim, se a meta da empresa é ser a melhor do segmento, é preciso atrair e reter os melhores talentos do mercado.

De nada adianta transformar a cultura organizacional de sua empresa se não puder contar com pessoas habilidosas que poderão conduzir outras rumo ao topo. Por esse motivo, a assertividade deve estar presente desde o processo de contratação.

Durante a seleção já foque em fatores fundamentais para que a empresa comece a entregar os resultados esperados: saiba exatamente quais qualidades está buscando e as que não estão alinhadas com a empresa.

Entreviste os candidatos mais de uma vez para que tenha tempo de avaliar se ele tem o que busca na transformação de sua empresa. Os processos de seleção de candidatos  longos costumam ser tediosos e custosos para a empresa. No entanto, apressar a contratação pode ser igualmente prejudicial.

Seja flexível

À primeira vista, pode até parecer contraditório, mas quanto mais flexível for, maior o comprometimento de seus colaboradores com a empresa. Proporcionar maneiras flexíveis para que os colaboradores aproveitem melhor o seu tempo na empresa é uma forma inovadora de conduzir seus negócios e o resultado pode ser surpreendente.

Uma boa opção para oferecer maior flexibilidade aos colaboradores é dar uma porcentagem de seu tempo na empresa para que eles tenham autonomia para conduzir seus próprios projetos.


 

Incentive a eficiência

Eliminar os excessos no dia a dia da empresa permite que o colaborador passem mais tempo focado em suas atividades e encontrando novas soluções para velhas situações.

Quando falamos em incentivar a eficiência, nos referimos à aprender a fazer reuniões produtivas de verdade, reduzir o barulho desnecessário dos departamentos e incentivar a organização dos espaços. Manter as coisas sempre no mesmo lugar economiza tempo e diminui o stress do cotidiano, principalmente em empresas que possuem processos mais burocráticos.

Uma pesquisa conduzida pelo Market Circle apontou que, em média, um colaborador é interrompido 56 vezes ao dia. Mais alarmante ainda é perceber que, a cada interrupção, são necessárias cerca de duas horas para se recuperar e voltar a se concentrar no trabalho.

Decrete o fim das interrupções desnecessárias para o bem da produtividade.

Melhore o ambiente corporativo como um todo

Neste item, vamos citar os elementos básicos que contribuem para transformar o ambiente corporativo e a dar tom à transformação de sua cultura organizacional.

Mude a disposição dos móveis dos departamentos, melhore a iluminação dos locais de trabalho (quanto mais luz natural, melhor), deixe uma música suave no ambiente e mude as cores das paredes.

Colocar plantas, dar um upgrade no refeitório ou começar a servir snacks saudáveis aos colaboradores também são ótimas maneiras de instituir uma cultura organizacional positiva.

Aproveite essas dicas e mãos à obra!