Controle de Ponto e RH - Gestão de Pessoas
IRRF: como calcular na folha de pagamento?

IRRF: como calcular na folha de pagamento?

O IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) é uma obrigação tributária das empresas que possuem colaboradores registrados em carteira.  Como o próprio nome sugere, essa obrigação retém uma porcentagem da renda do beneficiário, no caso o colaborador.

A legislação brasileira prevê que a cobrança do IRRF seja feita mensalmente na folha de pagamento. Como o Imposto de Renda, o órgão responsável pelo IRRF é a Receita Federal!

Dessa forma, o IRRF aparece na folha de pagamento de todos os colaboradores e seu cálculo é de total responsabilidade da empresa. Por isso, é importante estar atento aos detalhes do cálculo.

Preparamos abaixo um pequeno guia para ajudar a calcular o IRRF corretamente. Acompanhe!

 

Base para o cálculo do IRRF

A base para o cálculo do IRRF é o salário bruto do colaborador e, em alguns casos, outros adicionais, como horas extras, DSR, e até os adicionais noturnos, entre outros.

Há uma tabela de contribuição mensal que deve ser consultada como base:

 

1. Tabela para colaborador, colaborador doméstico e colaborador avulso

Salário:Alíquota:
Até R$1.693,728%
de R$1.693,73 a R$2.822,909%
de R$2.822,91 a R$5.645,8011%

 

2. Tabela para contribuinte individual e facultativo (2018)

  • Salário: R$ 954,00;
  • Alíquota:  5% (Alíquota exclusiva facultativo de baixa renda. Sem direito à Aposentadoria por Tempo de Contribuição);
  • Valor: R$ 47,70.
  • Salário: R$ 954,00;
  • Alíquota: 11% (Alíquota exclusiva do Plano Simplificado de Previdência. Sem direito à Aposentadoria por Tempo de Contribuição);
  • Valor: R$ 104,94.
  • Salário: R$ 954,00 até R$ 5.645,80;
  • Alíquota: 20%;
  • Valor: entre R$ 190,80 (salário mínimo) e R$ 1.129,16 (teto).

 

Exemplo prático de cálculo de IRRF na folha de pagamento

Um colaborador recebe o salário de R$2 mil. A alíquota de cálculo é, portanto, 9%. Acompanhe:

  • Salário de R$3000,00 x 11% = R$330,00
  • Base de cálculo para o IRRF: R$3000,00 – R$330,00 = R$2670,00. OBS: caso o colaborador tenha dependentes (filhos de até 21 anos, cônjuges, pais e avós), serão descontados mais R$189,59.

 

Tabela do IRRF vigente

Todos os anos, o Governo Federal divulga a tabela do IRRF:

SalárioAlíquotaTaxa
Até R$1.903,98isento
De R$1.903,99 a R$2.826,657,5%R$142,80
De R$2.826,66 a R$3.751,0515%R$354,80
De R$3.751,06 a R$4.664.6822,5%R$636,13
A partir de R$4.664.6927,5%R$869,36

 

A partir dessas informações, é possível calcular o IRRF de nosso colaborador fictício:

  • Salário-base: R$2670,00
  • Alíquota: 7,5%
  • Cálculo IRRF: R$2670,00 x 7,5% = R$200,25

R$200,25 – R$142,80 = R$57,45

  • Valor do IRRF: R$57,45

 

Cálculo do IRRF no 13º salário e férias

O IRRF é descontado, seguindo as mesmas regras de cálculo do IRRF, sobre o 13º salário e as férias.

No caso do 13º salário, pago em duas parcelas, o desconto do IRRF é feito somente na segunda parcela. Para o cálculo, é necessário calcular o valor bruto do 13º. Já as férias, o correto é calcular o total e descontar a partir desse valor, seguindo a tabela do IR atualizada.

Tributo obrigatório que gera dúvidas na hora do cálculo, o IRRF descontado corretamente previne problemas futuros com colaboradores. Fique ligado!

 

Agora que você sabe tudo sobre IRRF, vamos falar sobre Cálculo de rescisão!