Trabalho pet friendly

Trabalho pet friendly: Entenda a política de trabalho

Você já ouviu falar em ambiente de trabalho pet friendly? Ele nada mais é do que empresas que permitem que alguns animais de estimação sejam levados ao trabalho e ali convivam com os trabalhadores.

Inúmeras organizações privadas já aderiram a essa moda que corresponde a uma nova tendência empresarial que pode trazer inúmeros benefícios tanto para a empresa quanto para os trabalhadores.

Embora num primeiro momento possa parecer estranho imaginar um ambiente de trabalho em que os trabalhadores convivam diariamente com cães e gatos, a presença deles tende a melhorar o clima e não a atrapalhá-lo.

O aumento da produtividade e da motivação dos empregados assim como a melhoria da qualidade do clima organizacional se torna visível quando se aposta na política pet friendly.

Vantagens em se tornar uma empresa pet friendly

São várias as vantagens trazidas à empresa que resolve abrir seus horizontes e passar a comportar animais de estimação no ambiente de trabalho.

A relação entre humanos e animais mudou muito com o passar dos tempos. Embora fossem vistos apenas como alimentos ou ferramentas de segurança, a relação evoluiu para níveis familiares, em que o pet é considerado como parte da família.

Se você tem um animal de estimação em casa sabe que ele tende a melhorar o clima, assim como ser capaz de proporcionais momentos de alegria. Eles são ótimos aliados na luta contra a solidão e até mesmo doenças psíquicas como a depressão.

Os reflexos que podem ser sentidos nas residências que adotam um pet, seja ele um cachorro ou um gato, podem ser sentidos nas empresas com política de trabalho pet friendly.

É possível afirmar que empresas desse tipo possuem ganham maior movimentação e alegria. A interação entre a equipe tende a se tornar mais fácil e a tensão corporativa é, se não eliminada, drasticamente limitada.

Implementar uma política pet friendly dentro do ambiente de trabalho se traduz em um investimento no capital humano da empresa, assim como na busca pela melhoria das relações internas e do clima organizacional.

Confira com maiores detalhes quais são as vantagens de se admitir a circulação de animais de estimação no ambiente de trabalho.

1.      Melhora no clima da organização e felicidade geral

É inegável que animais de estimação costumam se colocar em situações que geram comicidade, assim como despertam um olhar mais carinhoso sobre as coisas.

Apostar na política de trabalho pet friendly é um investimento na melhoria do clima da organização e dos setores, individualmente, assim como na felicidade dos colaboradores.

2.      Diminuição do estresse corporativo

Outro dos pontos de destaque na adoção de uma política que tolere a presença de animais de estimação no ambiente corporativo é que essa abertura costuma promover um ambiente menos estressante para trabalhadores que ali laboram.

Conforme um estudo da Universidade de Plymouth, na Inglaterra, a presença de um simples aquário no ambiente de trabalho já pode causar importantes mudanças nos níveis de estresse dos empregados e na melhora da saúde mental deles.

3.      Diminui número de faltas

As faltas dos empregados tendem a diminuir quando a política de trabalho pet friendly é colocada em ação. Os tutores dos animais costumam ficar mais tranquilos e evitam perda de tempo para levar os animais a algum tipo de cuidador ou imaginando se o seu bichinho está bem e como está se comportando na sua ausência.

4.      Aumento da produtividade

Existem diversos elementos que influenciam na produtividade de um empregado ou setor. Dentre eles estão o estresse, a abstenção dos empregados, a infelicidade e distrações diversas. Cabe citar o clima da organização e as expectativas em relação à própria empresa e ao trabalho.

As empresas que praticam o pet friendly costumam ser recompensadas com o aumento da produtividade dos colaboradores, pois diversas das causas que atrapalhavam nela já foram eliminados pela própria presença de animais domésticos no ambiente de trabalho.

5.      Integração entre os colaboradores

Permitir que animais estejam presentes no ambiente de trabalho é positivo para as empresas na medida em que os colaboradores tendem a se aproximar e se integrar com maior facilidade.

Os animais acabam por induzir o aumento do contato entre os funcionários que se interessam uns pelos pets dos outros e a partir disso podem abordar assuntos diversos que criam laços.

6.      Melhoria da imagem da empresa

A última dentre tantas vantagens do pet friendly às empresas que separamos se refere à imagem da organização.

A política de trabalho pet friendly influencia na forma como os consumidores, trabalhadores e outros empresários enxergam sua empresa. Isso porque ela demonstra abertura para novas possibilidades e concessão de espaço para a modernidade.

Demonstra investimento no capital humano e no bem estar dos colaboradores.

Por mais que esse tipo de atuação apresente diversas vantagens, elas apenas serão visíveis caso alguns cuidados sejam tomados em relação à permissão de animais no ambiente de trabalho.

Como desenvolver um ambiente de trabalho pet friendly

Embora muitas empresas possam se interessar em aderir à política diferenciada de trabalho, cabe ressaltar que infelizmente o pet friendly não é indicado e possível para todas. Isso, pois, deve-se ao fato de que animais de estimação necessitam de espaço.

Caso o seu ambiente de trabalho seja pequeno ou já abarrotado de pessoas e objetos, pode ser que a presença de animais de estimação atrapalhe ao invés de auxiliar.

Caso os cuidados não sejam tomados, é possível que haja a inversão dos resultados desejados. A presença de animais em locais com menos espaço pode resultar no aumento do estresse pela ausência do conforto necessário.

É indicado que os animais permaneçam soltos no ambiente de trabalho, podendo se aconchegar nos mais diversos lugares. Não devem ficar presos em algum terreno de forma a não se integrar à empresa. A adoção de uma política nesses moldes, pode ser prejudicial e com certeza não trará os resultados pretendidos com a nova experiência empresarial.

A empresa deve avaliar o espaço físico do qual dispõe. De nada adianta adotar uma política diferenciada e, com isso, colocar em risco o conforto tanto dos empregados quanto dos animais.

Caso você tenha espaço suficiente é possível passar para a segunda etapa da política de trabalho pet friendly que é a adaptação do local para receber os bichinhos.

É importante encontrar lugares em que possam ser disponibilizados potes com razão e água para os animais. Suas necessidades fisiológicas devem ser consideradas. Em caso de gatos, é necessário que tenham caixas de areia que sejam limpas todos os dias para não gerar odores e desconforto. Lembre-se de deixá-las longe dos escritórios.

Outros aspectos que devem receber atenção dizem respeito à segurança do animal. Analise a presença de cabos de energia soltos e de janelas que eventualmente necessitem da adição de telas de proteção.

Em terceiro lugar, é preciso que os colaboradores se organizem em relação à política de pets. Isso vale tanto para os dias em que cada um poderá levar seu amigo de quatro patas ao trabalho quanto nas tarefas de limpeza de caixinhas e conferência de água e ração.

Certifique-se de que todos os animais que frequentam o ambiente de trabalho estejam com a saúde em dia. Se necessário, realize uma campanha de vacinação antes do início prático da política de trabalho pet friendly. São evitadas contaminações de terceiros e a colocação da saúde dos animais e mesmo dos humanos em risco.

Todas essas etapas são importantes para que a adoção do pet friendly ocorra de maneira segura e para que seja possível que todas as vantagens dela se ilustrem e melhorem o ambiente da empresa, a felicidade das equipes e a produção empresarial.

Veja também: Mulheres empresárias: Conheça as 5 maiores atualmente

Gostou das dicas? Deixe o seu comentário e compartilhe estas dicas em suas redes sociais! Siga-nos também no Instagram!

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau