Mão com uma caneta sobre uma prancheta, onde está escrito "priority", prioridade em inglês.

Produtividade: Como priorizar o que gera valor através do Timesheets

Saber como priorizar o que gera valor em termos de produtividade é uma das principais atividades do gestor que está liderando um projeto ou é o seu Scrum Master.

Uma das maneiras de encontrar esses caminhos é através do uso do Timesheets, uma ferramenta de cálculo de horas, a partir dela é possível descobrir quanto tempo foi gasto para a execução de uma tarefa e de todo o projeto.

Confira como priorizar o que gera valor a partir dessas informações geradas pela metodologia:

Eliminando tarefas desnecessárias

O cálculo de horas permite que você identifique quais tarefas estão gerando mais gargalos, aquelas que ocupam mais horas para serem realizadas e o seu resultado tem um impacto mínimo sobre o produto.

Para fazer isso com precisão, é necessário não só observar a planilha de Timesheets, mas também conversar com os profissionais designados para a função sobre a visão deles com relação à tarefa que será eliminada.

Contabilizando os custos do projeto

Um dos dados que podem ser retirados de um sistema de Timesheets e que permitem entender como priorizar o que gera valor é o custo do projeto, principalmente relacionado ao valor hora/homem.

Com essa informação em mãos, você identificará quais funções estão custando mais para o projeto e se esse valor corresponde ao resultado entregue e aquilo que foi estipulado em seu início.

A priorização nesse caso deve ser para as tarefas que representam um melhor custo benefício.

Tomando decisões baseadas em dados

Dentro de um projeto estão envolvidas diversas funções, que correspondem a diferentes áreas, sem um acompanhamento e uma documentação de o que está sendo realizado e por quanto tempo, ficará difícil assumir o controle da situação.

Os dados proporcionados pela metodologia de cálculo de horas vão facilitar a tomada de decisões.

Por exemplo, tarefas que estão sendo executadas a um longo tempo são facilmente identificadas pelo Timesheets, indicando um alerta para o gestor, principalmente em equipes organizadas a partir de metodologias ágeis.

Atribuindo tarefas aos profissionais que têm mais afinidade com elas

Quer gerar mais valor e produtividade dentro de seus projetos? Entregue cada tarefa à pessoa certa.

Logo na primeira vez utilizando os Timesheets você notará que enquanto alguns profissionais levam mais tempo para realizar uma tarefa, outros a realizam em um curto espaço.

Quando essa informação é analisada junto a qualidade daquilo que foi entregue, fica claro quem são os profissionais que possuem mais afinidade com cada tarefa, facilitando a sua distribuição.

Incentivando o desenvolvimento profissional

Sabendo quem são os profissionais mais competentes para desempenhar cada função, você também saberá quais são as áreas em que eles sentem mais dificuldades.

Esse dado representa uma ótima oportunidade para empresas que desejam investir na qualificação interna, afinal quanto mais habilidades o colaborador tiver para utilizar na empresa, maior será o valor gerado.

Cursos, palestras e outros tipos de treinamentos podem ser ofertados pela empresa para que os colaboradores se desenvolvam e se sintam mais aptos para desempenhar outros papéis.

Medindo a satisfação dos clientes

Esse tópico não diz respeito exatamente ao uso dos Timesheets, mas, imagine a seguinte situação.

Um projeto foi finalizado e disponibilizado para os clientes, ou teve a sua prova de conceito apresentada ao público, após isso, a empresa deve se empenhar para colher feedbacks e investir na constante melhoria do produto.

Digamos que dentre os feedbacks uma reclamação foi constante. A partir desse ponto, é possível puxar nos Timesheets qual foi o tempo gasto para a execução dessa tarefa que gerou reclamações e quais micros tarefas faziam parte dela.

Planejando dessa forma os próximos passos para a adequação do produto.

Utilizar o Timesheets junto ao Roadmap de produto

Entender como priorizar o que gera valor através do Timesheets vai além do uso solo da metodologia. Ao agregar outras ferramentas a geração de valor pode ser potencializada.

É o caso do seu uso junto ao Roadmap de produto

O Roadmap proporciona o planejamento de atividades que devem ser feitas para o projeto alcançar o seu objetivo, assim como a data em que elas devem ser realizadas.

Juntando o Roadmap aos Timesheets, você poderá observar o andamento das tarefas e checar se elas condizem com aquilo que foi mapeado, controlando possíveis desvios de foco e atrasos na entrega.

Como priorizar Roadmap de produto?

Para ter sucesso utilizando o Roadmap de produto é fundamental levá-lo a sério, fazendo com que ele faça parte também da cultura interna da empresa.

Os profissionais precisam entender que o planejamento de atividades contidas nele são de fundamental importância não só para a entrega do produto na data correta, mas também para a satisfação dos clientes.

Continue aprimorando a sua gestão de projetos

Agora que você já sabe como priorizar o que gera valor a partir da utilização de um Timesheets, não deixe de conferir outros conteúdos como esse no blog da OiTchau.

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau