Vendas por telefone: 11 4210 2846
whatsapp iconVendas no WhatsApp
RH Humanizado

RH Humanizado: o que é? Como promover na sua empresa?

A sua empresa coloca em prática o RH humanizado? Esse é o conceito mais moderno que existe sobre o setor de recursos humanos. E ele é capaz de gerar uma série de benefícios tanto aos colaboradores quanto à empresa.

Ele é uma nova forma de ver a gestão de pessoas, ais que as enxergam como realmente são: pessoas que, enquanto indivíduos, possuem histórias e experiências próprias. Continue lendo para conhecer mais e veja como colocar em prática.

O que é um RH humanizado?

RH Humanizado

Esse é o nome que se dá ao setor de recursos humanos que adota uma visão humana do seu serviço. E isso não é uma redundância, mesmo que possa parecer. Para entender isso, vamos a um exemplo.

Não raro o RH segue uma metodologia engessada, geral e que se repete sem a análise dos índices de sucesso e de felicidade do colaborador. Nesse caso, apenas se segue uma mecânica que não olha verdadeiramente a quem se voltam os benefícios.

Já o RH humanizado olha diretamente para quem as suas ações se voltam. Ele visa entender as necessidades dos colaboradores. De nada adianta oferecer um benefício que não gere ao colaborador alguma diferença.

Quando se aplicam as metodologias que humanizam o RH a empresa se torna capaz de se conectar aos colaboradores. Eles têm em contrapartida ao trabalho vantagens que realmente tocam no seu dia a dia e melhoram a vida deles.

Esse formato de RH trabalha para realmente melhorar a vida pessoal do colaborador e as suas perspectivas profissionais. Ele vê o empregado muito além da sua força de trabalho, pura e simplesmente.

O que acontece é que o RH entende o colaborador como um ser humano que possui suas próprias experiências, histórias, traumas e vitórias. Que ele possui problemas e felicidades que extrapolam o ambiente profissional.

E isso é muito importante para a empresa e para os colaboradores, eis que a gestão de pessoas ultrapassa barreiras que lhe permitem realmente conectar com os seres humanos que ali prestam serviços.

Da mesma forma que eles são essenciais às empresas, as corporações devem atuar de forma a responder à altura a gratidão por seus serviços e esforços. Isso não só recompensa, é capaz de gerar ainda melhorias no trabalho. Abaixo, veja vantagens.

Quais são os benefícios de adotar um RH humanizado?

Segundo Susanne Andrade, autora do best-seller “O Segredo do Sucesso é Ser Humano” e especialista em desenvolvimento humano, dentre as vantagens em adotar o RH do tipo humanizado está a melhoria de resultados. Veja o que ela diz:

A humanização na equipe traz felicidade para os colaboradores que, consequentemente, geram melhores resultados e tomadas de decisões mais assertivas. O segredo é conectar-se emocionalmente com os funcionários, oferecendo um propósito para ele na hora de ir trabalhar e, dessa forma, relacionar o bem-estar dele com o da empresa”.

E não é só isso. Existem outros benefícios que acompanham a adoção de um RH que valorize o ser humano:

  • Engajamento dos colaboradores;
  • Diminuição da rotatividade;
  • Melhoria do clima organizacional;
  • Atração dos melhores talentos do mercado;
  • Maior produtividade.

Como colocar em prática o RH humanizado?

RH Humanizado

Agora que você já sabe o que é um RH que segue a linha humanizada e quais são as principais vantagens que ele gera às corporações, veja como colocá-lo em prática de forma simples e veja como transformar positivamente a sua empresa.

Invista em comunicação eficiente

A comunicação é essencial para o RH humanizado. Ela deve ser clara, objetiva e sempre com o cuidado de ser não-violenta. Outra questão importante é aproximar os colaboradores e os gestores.

Use canais de comunicação imediatos. Adote na empresa o diálogo informal, deixando todos no mesmo patamar e dispensando o uso de “senhor/senhora”, “doutor/doutora”. Isso ajuda muito que o colaborador se sinta parte e no mesmo barco que os demais.

Outro ponto interessante é colocar as pessoas em comunicação. Isso pode ocorrer, no momento da pandemia, por reuniões virtuais e happy hour à distância. Em tempos normais, reuniões não formais são ótimas para isso.

Demonstre preocupação com a saúde mental

É imprescindível que o RH se preocupe de forma genuína com a saúde mental dos colaboradores, principalmente em tempos de pandemia, home office e os níveis de ansiedade mais altos do que nunca.

Converse com seus colaboradores e certifique-se de que os gestores entrem em contato recorrentemente e que o diálogo vá além das questões profissionais. Perguntar como a pessoa está e se precisa de algo faz toda a diferença.

Outra questão é oferecer serviços de psicólogos aos colaboradores. Isso ajuda no autoconhecimento de cada um deles e previne doenças como depressão e ansiedade, ao mesmo tempo em que ajuda a tratá-las.

Treine seus gestores

Outra questão que é essencial para o RH humanizado é treinar os gestores. Eles representam a empresa perante os colaboradores e devem refletir, em seus atos e comunicação, a humanização que a corporação valoriza.

Eles devem ter a comunicação não violenta e assertiva. Outro ponto importante é que eles conheçam os colaboradores, não exerçam qualquer tipo de assédio e saibam lidar com pessoas de diferentes culturas, histórias e experiências.

O gestor deve ser visto mais como um colega e menos como um chefe. Isso ajuda os colaboradores a se aproximarem, a relatarem problemas sem enrolarem e a proporem mais soluções e ideias.

Ofereça benefícios

Uma das principais tarefas do RH é a gestão de benefícios. Eles ajudam a engajar os colaboradores e são uma genuína recompensa pelos trabalhos que prestam à empresa.

Quando falamos em benefícios precisamos ter em mente as vantagens que vão além das tradicionais. Nesse grupo se encontram:

  • Auxílio alimentação;
  • Auxílio refeição;
  • Seguro de vida;
  • Plano de saúde;
  • Plano odontológico;
  • PLR;
  • Benefícios previstos por lei, como vale-transporte e outros.

O RH deve pensar em benefícios que realmente somem aos colaboradores. Ele deve manter os benefícios acima, que são tradicionais e devem ser encarados como que obrigatórios em pleno ano de 2021.

Pensar em benefícios diferentes é essencial. Para isso, lembre-se de convidar seus colaboradores a opinarem sobre o que eles acham que seriam bons benefícios. O RH pode optar pela apresentação de uma lista de benefícios para votação.

Outra coisa interessante é abrir um canal de sugestões e realizar pesquisas sobre a satisfação dos benefícios após implementá-los. Isso permite ao RH observar se a vantagem obteve o resultado desejado, que é a felicidade do trabalhador.

Enviar comentário

Receba o melhor conteúdo de Gestão de Pessoas no seu e-mail

Siga nossa Newsletter

controle-de-ponto-guia-completo
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 89/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau