Kaizen

Kaizen: Como esse método pode otimizar sua empresa?

O Kaizen é um método que promete revolucionar o modus operandi de uma empresa, aumentar a produtividade e rentabilidade de cada empresa, aumentando o lucro final e o crescimento empresarial.

Essa técnica ganhou fama nos últimos anos ao ser apontada como uma das responsáveis pelo sucesso de gigantes como Toyota, Bosch e Zara.

Ou seja, apenas com esse exemplo já é possível concluir, desde já, que uma das vantagens do método é que ele se enquadra em empresas de ramos diversos.

Considerada uma filosofia de atuação, o Kaizen controla a qualidade, o tempo e os padrões de trabalho e, com isso, promete grandes e eficazes resultados à sua empresa.

Gostou? Então conheça, a seguir, maiores detalhes sobre o método e como ele pode revolucionar o modo de trabalho de uma empresa.

Mas, afinal, o que é Kaizen?

A primeira coisa a se esclarecer, claro, é o que exatamente é Kaizen. Kaizen é uma palavra de origem japonesa que, por sua vez, é constituída por dois ideogramas.

Enquanto “Kai” representa mudança, o “Zen” corresponde à virtude ou à bondade.

Dessa forma, é possível concluir que Kaizen nada mais é do que as mudanças e adaptações acompanhadas de melhorias práticas.

Essa filosofia, que hoje é aplicada em larga escala no mercado de trabalho e nas relações internas de empresas, surgiu no Japão após o final da Segunda Guerra Mundial, na década de 1950.

O seu conceito, portanto, possui origem industrial, eis que seu desenvolvimento ocorreu durante a reconstrução do país oriental e a busca pela recuperação do desenvolvimento econômico e tecnológico japonês.

Dessa forma, para reerguer o país devastado, o governo japonês, ao final do conflito mundial, iniciou diversos projetos relacionados às áreas de gestão e administração.

O objetivo desses projetos era a reestruturação dos processos industriais a fim de que eles tornassem as empresas e indústrias japonesas novamente competitivas perante o mercado global.

Esses projetos, que focavam na qualidade dos procedimentos e mercadorias a fim de que os olhos dos consumidores mundiais fossem novamente voltados aos produtos japoneses, deram origem ao Método Kaizen.

Portanto, esse método, que hoje é utilizado no mundo todo por empresas de ramos diversos, foca na melhoria contínua. 

Ele foi desenvolvido com base em questões socioculturais orientais de comprometimento com a redução de custos de produção, redução do desperdício e aumento de produtividade.

O método Kaizen, dessa forma, busca pequenas e efetivas mudanças que a curto e longo prazo poderão refletir em melhorias em uma empresa.

Como a metodologia Kaizen funciona?

Segundo a metodologia Kaizen, portanto, pequenas mudanças diárias relacionadas à produtividade, à segurança e à cultura no local de trabalho podem resultar em grandes melhorias empresariais ao longo do tempo.

Além disso, é necessário ressaltar que para que esse método oriental proveniente do Japão realmente alcance resultados. 

No entanto, é necessário que todos os colaboradores e funcionários, sejam aqueles de alto escalão ou mesmo os mais simples e com menores salários, participem do processo de sua aplicação.

Com isso, a metodologia japonesa promete diversas vantagens, dentre as quais podemos citar  a melhoria na qualidade da prestação de serviços, a redução de custos, o aumento da satisfação do cliente

E, consequentemente, sua fidelização, a segurança dos métodos de trabalho e, também, financeira, a redução de desperdício e o aumento de produtividade.

Também, esse método é responsável por melhorar, de modo geral, a cultura da empresa e refletir na retenção de funcionários (diminuir rotatividade de vagas).

 Aliás, o Kaizen pode auxiliar na melhora da comunicação e cooperação entre os colaboradores, na autoestima e satisfação do empregado em relação à empresa. 

E, ainda, pode garantir maior investimento pela própria empresa nos funcionários e no desenvolvimento deles.

Onde o método pode ser aplicado?

Conforme já apontado acima, apesar de efetivo, o método Kaizen requer paciência na medida em que sua aplicação se dá a longo prazo, porém seus resultados são efetivos.

Indica-se, ao se decidir pela aplicação de metodologias laborais relacionadas ao Kaizen, que se busque, antes de mais nada, a qualidade do produto oferecido.

Após, devem-se buscar formas de minimizar o custo total da operação, priorizar projetos de fácil aplicação e investir em melhoras do sistema de produção e serviços.

Além disso, deve-se ter em mente que treinamentos aos colaboradores são necessários periodicamente a fim de que eles sejam atualizados e possam prestar serviços cada vez melhores e mais qualificados.

Algumas formas de aplicação do Kaizen exigem a instituição do papel da liderança dentro da empresa com objetivo de auxiliar na melhora da prestação de serviços dos colaboradores.

Também, a instituição de uma cultura em prol da redução de desperdícios é outro aspecto que compõe a filosofia laboral.

Certifique-se, aliás, de destruir eventuais barreiras existentes entre departamentos e busque formas de fazer com que as áreas diferentes colaborem entre si em prol de um objetivo comum.

Além disso, incentive a educação ou aperfeiçoamento do profissional, pois isso irá refletir nos seus processos, até mesmo porque o empregado pode trazer novidades ou novas técnicas que melhorem os serviços até então prestados por ele.

Formas de aplicação

A aplicação do Kaizen, assim, deve desde o início buscar a substituição de ideias fixas ou pensamentos arcaicos por ideias novas e revolucionárias. Assim, incentive os empregados e a você mesmo a pensar “fora da caixinha”.

Além disso, as práticas devem ser questionadas, a fim de que se entenda quais são realmente necessárias e quais demandam em desperdício de material, pessoal ou tempo.

Uma vez que o Kaizen não é apenas um método laboral, mas também uma filosofia de vida, ele não pode ser encarado simplesmente como um projeto a ser concluído, pois sua aplicação é constante e progressiva.

Assim, não espere encontrar o momento em que o método poderá ser deixado de lado, pois sua aplicação deverá ocorrer constantemente. 

E isso se torna claro a partir do momento em que os resultados começam a aparecer, pois como filosofia laboral e de vida a metodologia japonesa tende a mudar permanentemente relações e espaços.

Dessa forma, considere buscar a aplicação do Kaizen em sua empresa e, assim,  fazer uso da filosofia japonesa para crescimento e consolidação da empresa perante o mercado, o público e os trabalhadores.

Quais são os benefícios da implementação do Kaizen na empresa?

São várias as vantagens que se garantem quando uma empresa passa a aplicar internamente a metodologia Kaizen. Dentre as principais delas nós temos:

  • Redução de desperdícios;
  • Aumento da produtividade;
  • Diminuição de erros de execução;
  • Melhoria na qualidade de entrega;
  • Menores custos;
  • Economia financeira;
  • Melhoria nas práticas de segurança;
  • Consolidação da imagem da empresa perante o público;
  • Maior satisfação do cliente com a entrega final.

E não são apenas os processos internos que sofrem melhorias e benefícios. Segundo Bruna Morales Moreira, especialista em melhoria contínua com a metodologia Kaizen, esta traz vantagens inúmeras. Veja:

“O Kaizen não é só sobre melhorar processos, mas é sobre melhorar engajamento, melhorar a comunicação entre times, melhorar o trabalho em time e as consequências são os resultados e a melhoria em indicadores. O Kaizen mexe com a rotina das pessoas, por isso, é fundamental o envolvimento das pessoas, do time todo; é importante o engajamento, de modo que todos vejam o quanto essas mudanças são importantes”.

Já o engenheiro de produção Carlos Mesquita Ciconelli destaca outros pontos que são muito relevantes às empresas e que mostram como o Kaizen pode ajudar de sobremaneira na melhoria dos processos, economia e relações internas:

“Aplicar a metodologia Kaizen significa verificar no processo uma oportunidade de melhoria e buscar soluções para ela e implantar os resultados. A metodologia Kaizen pode ser aplicada em qualquer processo produtivo no qual exista um padrão nas atividades. Pode ser aplicada em vários setores empresariais como por exemplo: automobilístico, produção de alimentos e bebidas, vestuário, entre outros.

O Kaizen também pode ser aplicado no setor administrativo onde se procura a otimização do mesmo, eliminação do sistema burocrático, tempo de espera, prazo de entrega. Também pode-se utilizar a metodologia no desenvolvimento de novos produtos, no planejamento e estruturação dos processos, estudando-se detalhadamente cada etapa do projeto”.

Por onde começar a implementar o Kaizen?

A especialista na metodologia, Bruna Morales Moreira, dá dicas de como praticar essa metodologia dentro da empresa e como começar, aos poucos, a usá-la. Segundo ela, o melhor é começar por melhorias visíveis.

Isso torna a visualização dos benefícios mais fácil e permite que aos poucos se coloque a metodologia Kaizen em prática de forma mais profunda e plural.

“No começo (…) focava em melhorias mais visíveis – esse é o começo pra todos, pois são as modificações mais fáceis de se fazer. Comecei então pelo 5S, gestão visual, padronização de ferramentas e materiais, organização de áreas; isso tudo é melhoria, porque vai facilitar o trabalho, vai trazer produtividade e redução de tempo, no mínimo. Então, normalmente a gente começa por aí, depois evoluímos para a melhoria de processos – cuidar da reclamação de clientes, um processo de atendimento a clientes, orçamento de peças e produtos, enfim, alguns processos da área administrativa”.

Procure colocar essas dicas em prática para garantir na sua empresa melhorias diversas que atingem tanto os colaboradores e os engajam quanto os clientes, que tendem a se atrair ainda mais pelos seus serviços e produtos.

Oitchau - Registro de ponto por reconhecimento facial
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau