Colaboradores conversando em uma reunião, representando o Management 3.0 onde as decisões são tomadas em conjunto

O que é Management 3.0 e por que aplicá-lo na sua empresa

Como é o processo de gestão da sua empresa? As decisões são tomadas de maneira vertical ou todos os profissionais da equipe participam da discussão?

As respostas para essas perguntas se relacionam ao Management 3.0, um termo cunhado pelo holandês Jurgen Appelo, empreendedor, palestrante e escritor, para auxiliar empresas em seus processos de gestão no século XXI.

Nesse artigo você vai conferir o que é o Management 3.0, suas principais diferenças para os processos de gestão tradicionais, qual é a ideia principal por de trás da ferramenta, quais são os 5 princípios que a guiam e como ela se interliga com as metodologias ágeis.

O que é Management 3.0?

De maneira resumida, o Management 3.0 é uma ferramenta que conduz gestores a pensarem de maneira ágil, valorizando a equipe e tornando todos os profissionais tomadores de decisão.

Como você já viu, o Management 3.0 foi idealizado por um pensador contemporâneo e para entender melhor o que é ferramenta, vamos focar primeiro no que levou Jurgen a criá-la.

Segundo o escritor, os materiais que abordam os métodos ágeis focam muito em estratégias para desenvolvedores e gestores de projetos, tornando escasso o ensinamento das metodologias ágeis para os tomadores de decisão.

Pensando nisso, ele deu vida para o Management 3.0, uma técnica que combina diversas práticas, como jogos e workshops, para ensinar gestores como implementar os métodos ágeis em seu processo, potencializando os resultados da equipe.

Uma das maiores bandeiras da gestão de pessoas no século XXI é a troca de conhecimentos entre a equipe, deixando para trás decisões hierarquizadas, é dessa maneira que Appelo pensa o Management 3.0, uma estratégia que desverticaliza a gestão.

A grande vantagem da ferramenta está justamente nas decisões tomadas coletivamente, com todos fazendo o papel de gerência, as responsabilidades crescem, junto a participação e o sentimento de utilidade.

Com os profissionais tomando as rédeas da execução de novas ideias e da gestão de produtos já existentes, as entregas passam a ser mais rápidas, ágeis e eficazes.

Management 3.0 X gerenciamento tradicional 

O Management 3.0 foi pensado como um contraponto aos métodos de gerenciamento tradicionais, onde as decisões são tomadas por poucas pessoas e não consideram as opiniões dos colaboradores, vistos como meros executores.

Em um de seus materiais, o holandês, elenca as características que diferem o Management 1.0 para o 3.0, sendo o Management 2.0 representando pelo líder que está no meio no caminho entre os dois:

Management 1.0
Acredita que a liderança acontece quando está no comando;
Se mantém focado em funções e responsabilidades específicas;
Se concentra nos sintomas para solucionar problemas;
Cria uma fortaleza ao redor das informações;
De vez em quando escuta sugestões da equipe;
Destina recursos e tempo para equipe apenas quando necessário;
Oferece um feedback anual, baseado nas políticas da empresa;
Entrega apenas decisões já estabelecidas para a equipe.
Management 3.0
Acredita a liderança é melhor em uma equipe unificada;
É flexível sobre as funções e responsabilidades;
Procura as causas nas raízes dos problemas;
É aberto e transparente sobre informações e conhecimento;
Aceita sugestões e ideias da equipe;
Capacita sua equipe através de tempo, recursos e incentivo;
Fornece feedbacks constantes e personalizados;
Criar oportunidades para que a equipe pense em conjunto os próximos passos.

Qual a principal visão do Management 3.0?

A principal visão do Management 3.0 é que 95% do desempenho de uma empresa é resultado dos esforços de todo o sistema, não do indivíduo.

Isso significa que quanto melhor for o sistema de gerenciamento, deixando os colaboradores contribuírem e darem as suas opiniões, o negócio alcançará melhores e mais rápidos resultados. 

Quais os 5 princípios do Management 3.0?

Desde que o livro que leva o nome da técnica foi lançado, os princípios indicados por Jurgen para nortear o Management 3.0  já sofreram alterações, sendo os atuais, que são ensinados em seus cursos e palestra, os seguintes:

1 – Envolver as pessoas em suas interações

O gestor deve ter o papel de incentivador das interações, seja com ele mesmo ou entre os colaboradores.

A equipe deve entender que o trabalho não é feito individualmente, sendo um ambiente onde eles se veem em interações frequentes.

2 – Melhorar o sistema

O sistema descrito pelo Management 3.0 não é apenas a equipe, porém todas as ferramentas que interagem com equipe e possibilitam a realização do trabalho.

O papel da gestão deve visar sempre a melhora dessas ferramentas, aprimorando processos e facilitando o trabalho dos colaboradores;

3 – Ajudar a deixar todos os clientes felizes;

O encantamento de clientes é um termo muito utilizado no meio dos negócios, porém o gestor deve ver não apenas os consumidores do produto como clientes, mas sim todos os que fazem parte do sistema.

Os colaboradores, as outras equipes que formam a empresa, os acionistas, todos devem ser encantados e terem a sua felicidade considerada.

4 – Gerenciar o sistema, não as pessoas

A gestão é apenas sobre nutrir o jardim, dessa forma Appelo define o quarto princípio. 

Ao mudar o ambiente de trabalho a partir das novas técnicas, o gestor não precisará ter todo o trabalho de também mudar o comportamento dos colaboradores, eles terão de se adaptar para se adequar ao novo ambiente.

5 – Cocriar o trabalho

A cocriação deve ser uma metodologia implementada por todos, não apenas do gestor com os colaboradores, mas eles também devem realizar esse papel entre si.

Um exemplo de cocriação entre os profissionais é a oferta de feedbacks um para o outros, fortalecendo as habilidades e os aspectos a serem melhoradores de cada um, a partir não apenas da visão do líder, mas também da equipe.

Aplicando a técnica e outras metodologias ágeis

O Management 3.0 é uma técnica não linear, ou seja, ela não é uma cartilha com uma passo a passo para que você aplique na sua empresa, mas um conjunto de ferramentas que devem ser testadas e aplicadas conforme a sua necessidade.

Apesar das semelhanças, a técnica e as metodologias ágeis não são exatamente a mesma coisa, justamente porque o Management 3.0 é focado exclusivamente em gestores das mais diversas áreas.

Porém, nada impede que ela seja implementada em conjunto a outras metodologias ágeis.

Continue aprimorando a sua gestão de pessoas e projetos, confira outros artigos como esse no blog da OiTchau e se prepare para melhorar os seus resultados. 

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau