Duas mulheres se cumprimentando, sentadas cada uma em um lado da mesa, representando uma contratação, ao fundo um homem olha a cena e sorri.

Como recrutar pessoas para cargo de alto nível

Recrutar novos colaboradores e elaborar processos seletivos são tarefas do dia-a-dia do setor de Recursos Humanos, mas essa função fica ainda mais complicada quando à necessidade é de recrutar pessoas para cargo de alto nível.

As lideranças não apenas devem saber desempenhar o seu papel técnico, mas também conhecer a fundo a empresa e a sua cultura, formando um encaixe com os profissionais que estarão subordinados a elas.

Sabendo disso, elaboramos esse conteúdo para que você profissional do RH saiba como recrutar e selecionar pessoas que ocuparão cargos de alto nível. Boa leitura!

3 maneiras para recrutar pessoas para cargo de alto nível

Existem 3 caminhos que podem ser utilizados para preencher um cargo de alto nível que está vago, conheça cada um deles abaixo e suas vantagens e desvantagens.

Solução interna

O primeiro caminho é também o mais fácil, focar no público interno para encontrar o novo ocupante da vaga, eliminando a necessidade de se recrutar pessoas para cargo de alto nível externamente.

A maior vantagem de aplicar esse processo é o conhecimento prévio que o profissional já tem sobre a empresa e a maneira como ela funciona, além da possibilidade de reter um talento através do oferecimento de um cargo mais alto.

Inclusive, empresas com maior tempo de rodagem apostam nesse caminho majoritariamente, encarando o tempo que o colaborador já está na empresa como um treino. Conforme o tempo passa ele vai ganhando promoções, até passar a ocupar cargos de alto nível.

Quando houver mais de uma pessoa indicada ou interessada na vaga o setor de RH pode abrir um processo seletivo, identificando o candidato que possua mais fit com o posto a ser ocupado.

Outra maneira de recrutar pessoas para cargo de alto nível internamente é através dos programas de trainee, nele os colaboradores são treinados por anos justamente para estarem aptos a ocupar essas vagas.

Processo seletivo externo

Se a empresa não possui nenhum colaborador apto a ocupar o cargo de alto nível, ela pode partir para o processo seletivo externo, porém, prestando atenção para fazer uma contratação condizente às necessidades da empresa.

Confira algumas das etapas que podem fazer parte desse processo seletivo:

1 – Elabore o perfil do candidato ideal

O ideal é que essa etapa seja cumprida antes da divulgação de qualquer vaga, porém na hora de recrutar pessoas para cargo de alto nível ela ganha mais importância ainda.

Considere não só os aspectos técnicos que os candidatos devem ter, mas também suas aptidões sociais e emocionais, afinal o trabalho deles será comandar, e para isso eles devem saber interagir e influenciar os colaboradores positivamente.

2- Planeje todas as etapas do processo seletivo

Já sabe qual é o perfil do candidato a ser buscado? Ótimo! Agora foque em planejar todas as etapas que farão parte do processo, descrevendo o tempo de duração de cada uma delas e quais são os seus objetivos macros e micros.

É fundamental também disponibilizar esse planejamento para que os candidatos saibam o que esperar e em quais datas eles receberão suas respostas.

3 – Divulgue a vaga em locais acessíveis ao público ideal

De nada vai adiantar todo o trabalho para elaborar o processo seletivo se ele não for divulgado da maneira correta.

Foque em descobrir o local onde as pessoas aptas a ocupar o cargo de alto nível estão. Uma dica de ambiente provável é o LinkedIn, rede social de uso corporativo que conta com grande adesão de lideranças.

4 – Receba os currículos

Com a vaga disparada é hora de receber o currículo e já iniciar a análise deles, descartando aqueles que não cumprem os requisitos para a vaga.

5 – Chame os candidatos para entrevistas e testes

Essa etapa é crucial para recrutar pessoas para cargo de alto nível, afinal uma posição de confiança deve ser direcionada a alguém que a empresa confie, e para isso, é necessário alguns encontros.

Entrevistas, testes, dinâmicas de grupo, o RH pode utilizar o que julgar necessário nesse momento, inclusive solicitar apresentações sobre o trabalho que a empresa realiza e a forma como o candidato planeja liderar.

6 – Faça a oferta para o candidato escolhido e forneça feedbacks aos demais

Por fim, um dos candidatos será escolhido e os outros não deverão ser esquecidos, fornecer feedbacks para aqueles que não foram selecionados é fundamental para manter a transparência na escolha e incentivar o crescimento profissional.

New call-to-action

Recrutamento ativo

A terceira maneira de recrutar pessoas para cargo de alto nível é através do recrutamento ativo de pessoas que se encaixam no perfil da vaga.

Utilizar essa estratégia pode poupar um bom tempo que seria gasto em um processo seletivo padrão.

Porém, ela deve ser feita respeitando sempre os princípios éticos, já que há uma grande possibilidade de que os profissionais abordados já estejam trabalhando em outras empresas.

A estratégia também deve fazer parte do recrutamento ativo, buscando ao máximo informações sobre o profissional antes de apresentar a proposta, evitando frustrações para ambos os lados.

Novamente, o local mais indicado para colocar esse processo em prática é a rede social LinkedIn.

Promoção ou recrutamento: qual a melhor opção?

Como você viu, investir na promoção de colaboradores que já conhecem a empresa é um processo mais curto e barato.

Porém, o recrutamento não deve ser totalmente descartado, afinal, nem sempre a marca contará com um profissional apto para ocupar um cargo de liderança que está vago ou que foi recém-criado.

Por que investir na diversidade da liderança?

Além de conhecer as 3 maneiras de recrutar pessoas para cargo de alto nível é fundamental também estar de olho na diversidade, independente do formato escolhido.

Diversas marcas estão investindo em propagandas onde dizem que são plurais e diversas, porém, isso deve começar de dentro.

Por tanto, se você deseja que a sua empresa saiba responder de maneira positiva a diversos tipos de situações e seja reconhecida pela pluralidade, é fundamental investir na diversidade da liderança.

Gostou desse conteúdo? Não deixe de acompanhar outros artigos como esse no blog da Oitchau e continue aprimorando os seus processos de recrutamento e seleção.

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau