Recrutamento externo

Como funciona o recrutamento externo?

O recrutamento externo é uma das formas que as empresas têm para captar profissionais para trabalharem com elas. Ele é bastante interessante e conta com algumas técnicas.

Conheça mais sobre esse tipo de recrutamento e veja quando ele se mostra mais vantajoso às empresas.

O que é recrutamento externo?

Recrutamento externo

No momento que uma empresa está buscando por um profissional fora da sua base interna, inicia-se o processo de recrutamento externo. Em outras palavras, nada mais é do que a contratação de novos colaboradores.

Com isso, ao invés de reutilizar um profissional que já lhe presta serviços, a empresa traz uma pessoa nova, que está em outra empresa ou disponível no mercado de trabalho. Assim, passa a contar com mais uma pessoa no seu quadro de colaboradores.

Recrutamento externo x Recrutamento interno

O recrutamento interno é exatamente o contrário do que é o externo. Enquanto este busca profissionais dora da empresa o primeiro utiliza aqueles que já estão no quadro de empregados para colocarem em um cargo vago ou uma nova vaga dentro da empresa.

No recrutamento interno, então, pode ocorrer a promoção, que é quando o trabalhador sobe no grau hierárquico. Por outro lado, também pode ser para realocar o colaborador, mudando-o completamente de cargo ou mesmo setor.

Ambos os recrutamentos são interessantes. Contudo, note que o externo é interessante para quando a empresa quer inovar, trazer novas visões de vida, conhecimentos e experiências.

Já o recrutamento interno pode ser interessante quando a corporação necessita de alguém que já tenha conhecimento sobre aquele nicho; ou, então, quando percebe um bom profissional que não se enquadra tão bem no seu cargo atual. Ou, por fim, para a própria valorização dos colaboradores, promovendo-os em invés de buscar profissionais no mercado.

Vantagens do recrutamento externo

Conheça as principais vantagens do recrutamento feito fora da empresa com a busca de novos profissionais do mercado.

Aumente a diversidade na empresas

Diversidade é sempre importante. Pessoas diferentes pensam de forma diversa, possuem experiências variadas e visões de mundo diversificadas. E isso é muito importante para o ambiente corporativo!

Afinal, é desse modo que surgem novas ideias. A criatividade depende desse espaço em que existem várias visões de um mesmo objeto.

Portanto, o recrutamento externo é interessante por permitir à empresa o contato com novas visões das coisas. Com isso surgem novas soluções, bem como ideias que podem ajudar a corporação a se desenvolver.

Dessa maneira, esse recrutamento fora da empresa mostra relevância por trazer “sangue novo” ao time.

Contato com o mercado

Quando uma empresa se fecha em si mesma e somente opera com o recrutamento interno ela perde contato com o mercado. Com isso, tende a ficar apática às mudanças tecnológicas, novas demandas do público e mesmo dos colaboradores.

Em outras palavras, tende a parar no tempo. Por isso, o recrutamento externo é importante por garantir à corporação o contato com o mercado.

Atração de profissionais qualificados

O recrutamento fora da empresa também é interessante por atrair profissionais qualificados. A empresa ganha por dispensar parte das capacitações, bem como por trazer novos conhecimentos.

Desvantagens do recrutamento externo

Por outro lado, o recrutamento fora da empresa também possui alguns pontos negativos, isso é inegável. Os dois principais dizem respeito aos gastos e ao impacto sobre os colaboradores que já prestam serviços ali.

Gastos

O recrutamento externo tende a ser muito mais caro do que o interno. Afinal, ele requer divulgação de vaga, bem como promoção de entrevistas e outros tipos de estratégias de seleção.

Ainda, existem gastos de registros, exames admissionais e afins. Isso sem se falar no gasto referente ao tempo dos profissionais de RH, que precisam promover a seleção, a introdução do colaborador na empresa e até mesmo capacitação dele.

Impacto sobre os colaboradores que já prestam serviços à empresa

Outro ponto não tão legal quanto ao recrutamento externo é que ele causa impacto negativo sobre os demais colaboradores. Isso tende a acontecer quando a contratação é para um cargo de gestão.

Afinal, note que aqui a empresa está optando em dar um grau de chefia para uma pessoa externa ao invés de dar a chance a um colaborador que já conhece a área. Ou seja, pode haver o sentimento de desvalorização.

Por isso, muitas vezes a melhor opção é alternar contratações com base no recrutamento interno e externo.

Tipos e recrutamento externo

Recrutamento externo

O recrutamento externo requer que a empresa consiga chegar até os profissionais do mercado. Ou seja, chamar a atenção, bem como gerar o interesse de trabalho na corporação.

Existem várias formas de se chegar até esses profissionais. Veja algumas das estratégias que compõem o recrutamento fora da empresa, portanto.

Indicação

A indicação consiste na sugestão de talentos. Essa sugestão geralmente é feita por colaboradores que já trabalham na empresa. Ou, então, pode até mesmo ser por parceiros que a corporação possua.

Com isso, a empresa utiliza a rede de contatos que os sues profissionais têm. Dessa forma, usa o boca a boca para chegar até os profissionais.

Banco de candidatos

Outra possibilidade de recrutamento externo é pelo banco de candidatos. Ele geralmente se forma com o envio de currículos ou inscrição no site da empresa. Dessa forma, quando ela possui uma caga em aberto, pode consultar esse banco.

Ele também é comum quando um profissional não passa para uma vaga, mas chamou a atenção do gestor para outras possibilidades futuras.

Contudo, cuidado! Com a entrada em vigor da LGPD esse tipo de recrutamento depende do aviso do uso desses dados pela empresa, bem como do consentimento dos candidatos.

Employer branding

A construção de imagem de empregador dos sonhos é uma estratégia de recrutamento externo. Ela é quem leva, por exemplo, o profissional a se candidatar a um banco de vagas na esperança de um dia abrir uma onde se enquadre.

Software de recrutamento

Por fim, também existem softwares de recrutamento que até mesmo ajudam na aplicação de fases da seleção. Por exemplo, com testes ou provas. Ou, ainda, com o oferecimento de jogos (gamificação).

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau