Vendas por telefone: 11 4210 2846
whatsapp iconVendas no WhatsApp
Pontualidade no trabalho

Pontualidade no trabalho: melhorando a presença das equipes

Os atrasos, quando não são recorrentes, eles se tornam naturais, pois em um dia específico pode acontecer algum problema que não permitiu que o horário fosse mantido, mas a pontualidade no trabalho, é muito importante e precisa ser valorizada, tanto pelos colaboradores quanto pelos gestores.

Na legislação trabalhista é possível encontrar artigos que são dedicadas ao atraso, e a sua tolerância, já que os atrasos frequentes atrapalham a produtividade da equipe inteira, o dia se torna mais atribulado, já que pode acontecer de outro companheiro assumir, de última hora, uma atividade prioritária do companheiro que não chegou no horário estabelecido da jornada de trabalho.

O respeito aos horários preestabelecidos é a regra principal da etiqueta corporativa, não apenas no horário de início da jornada, mas ao longo de todos os compromissos, reuniões ao longo do dia, retorno do almoço ou de outras pausas, entre outros.

Entenda o que é a pontualidade no trabalho!

A pontualidade no trabalho refere-se ao colaborador que cumpre corretamente os horários previamente acordados, dentro do limite da tolerância quando necessário, sem atrasos recorrentes, tanto para o início da sua jornada de trabalho diária quanto para pausas, intervalos e compromissos externos, como reuniões.

É uma característica extremamente valorizada no ambiente empresarial, mas é considerada como um dos maiores desafios de uma empresa, pois além de influenciar diretamente a produtividade, ela pode causar outros problemas, como mudanças no clima organizacional, estresse, aumento de carga de trabalho, aumento do volume de horas extras, entre outros.

 Para que as atividades sejam desempenhadas em uma empresa, é primordial que os colaboradores estejam comprometidos com o seu trabalho e dedicados com suas tarefas. Apesar de parecer uma “missão” fácil, ela é um dos maiores desafios da área de Recursos Humanos.

Atrasar 15 minutos para o início da sua jornada de trabalho, pode parecer algo pequeno, que não terá a menor relevância. Mas para quem possui prazos apertados, e que cada minuto pode significar o atraso em uma entrega grande ou até mesmo declínio de demanda, esses minutos fazem toda a diferença.

Na esfera pessoal, deixar qualquer pessoa esperando já não é adequado, imagina no ambiente corporativo, considerando companheiros de equipe, mas pode ser um cenário muito pior se o atraso acontecer em uma reunião com o cliente.

O atraso, sem recorrência, não é motivos para preocupação. Mas quando esse atraso se torna recorrente, é importante que os motivos que estejam motivando os atrasos sejam analisados, para tentar chegar a uma solução que não impacte a empresa, a equipe e os companheiros de equipe.

O que a CLT diz pontualidade no trabalho e atrasos?

Mesmo com a normalização dos atrasos por parte dos colaboradores, a pontualidade deve ser valorizada, e pode existir uma tendência de que as empresas entendam como “normal” os atrasos, mas fora de um contexto aceitável.

Os atrasos e o acompanhamento dos mesmos podem parecer que é apenas uma forma de controle da empresa em relação aos horários praticados, mas está muito além disso, uma vez que a CLT possui o Art. 58 dedicado ao assunto, confira a seguir:

Art. 58 – A duração normal do trabalho, para os empregados em qualquer atividade privada, não excederá de 8 (oito) horas diárias, desde que não seja fixado expressamente outro limite.

§ 1o Não serão descontadas nem computadas como jornada extraordinária as variações de horário no registro de ponto não excedentes de cinco minutos, observado o limite máximo de dez minutos diários. (Parágrafo incluído pela Lei nº 10.243, de 19.6.2001)

Assim é possível perceber que existe uma pequena flexibilização em relação ao horário de entrada estabelecido pelas empresas através do contrato de trabalho, mas para que isso não se torne recorrente, o Art.58 indicou que essa tolerância é de 10 minutos. Após esse período, os descontos serão realizados, caso não ocorra a compensação ao final do dia.

Como motivar os colaboradores a melhorar a pontualidade no trabalho?

Conseguir motivar os colaboradores para manter a pontualidade adequada, de forma que auxilie na produtividade e não sobrecarregue os companheiros de equipe é uma tarefa árdua para a equipe de Recursos Humanos. Para auxiliar, separamos algumas sugestões que podem contribuir para melhorar a produtividade.

Valorize o planejamento

São inúmeras as ferramentas que permitem o gerenciamento de atividades das empresas, que podem ser utilizadas para manter o dia-a-dia mais organizado, garantindo que todas as tarefas serão executadas conforme o planejamento inicial.

Seguir o planejamento e gerir as demandas são a chave para obter o sucesso da execução das atividades diárias. E para que o colaborador possa aplicar isso ao seu dia-a-dia, é importante que ele entenda os benefícios da otimização do seu tempo, manter a pontualidade no trabalho e seguir o planejamento das atividades.

Não normalize o atraso na cultura da sua empresa

Infelizmente, não é possível mudar toda uma sociedade e as suas convenções, mas o importante é começar uma mudança, e dentro do ambiente empresarial é o local mais adequado para isso.

A normalização do atraso é uma cultura que está sendo incentivada em algumas empresas, principalmente as brasileiras, de que o atraso é normal e até mesmo cultural. Que uma reunião que está marcada para as 15h, não irá iniciar no horário previsto, mas sim pelo menos, com sorte com 30 minutos de atraso.

Essa cultura começou a se popularizar com grandes empresários, artistas, estão sempre atrasados para seus compromissos, então ficou marcado como as pessoas que são bem sucedidas profissionalmente atrasam, e se você quer ser reconhecido, a pontualidade não é importante.

Mas é uma tendência que não pode se tornar normal, e virar padrão, pois não é correto e nem um critério para definir quem é bem sucedido na sua vida profissional ou não. A pontualidade no trabalho ela precisa ser mantida e seguida pelos profissionais, para que assim, eles consigam o reconhecimento pelo comprometimento com seu trabalho.

Sistema de controle de ponto

O controle de ponto é realizado por ser um requisito estabelecido por Lei, mas também por garantir que as horas laboradas estão sendo contabilizadas corretamente, sem que seja necessário que o colaborador desconfie da empresa e vice-versa, como acontecia antigamente.

E hoje em dia, a marcação de ponto ela foi desmitificada, já que o controle de ponto está confiável e seguro, reduzindo o esforço das equipes envolvidas para contabilização das horas dos colaboradores e do pagamento.

A plataforma OiTchau pode ser citada com exemplo de pioneirismo no mercado, já que possui inúmeras soluções alternativas para o controle de ponto dos colaboradores, com opções de sistemas digital e por reconhecimento facial.

Receba o melhor conteúdo de Gestão de Pessoas no seu e-mail

Siga nossa Newsletter

controle-de-ponto-guia-completo
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 89/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau