jornada de trabalho

Jornada de trabalho em clínicas e hospitais: como gerir?

Os gerentes na comunidade de saúde estão sob muita pressão para melhorar o desempenho do hospital, tal como sua jornada de trabalho, que é essencial para o andamento correto das rotinas, principalmente em hospitais, que necessita de um sistema de controle de ponto eficiente.

Uma das razões para esta dificuldade é que o desempenho dos hospitais não pode ser avaliado apenas em termos financeiros.

Para avaliar o desempenho de um hospital, é necessário levar em consideração uma infinidade de fatores: o tempo de espera na sala de emergência, o número de pacientes atendidos, o treinamento e a disponibilidade do pessoal médico, a qualidade do atendimento oferecido, acessibilidade aos serviços, equipamentos e salas disponíveis. Isto engloba toda a jornada de trabalho de todos os funcionários de um determinado meio hospitalar.

Desempenho da jornada de trabalho

Embora seja difícil quantificar o desempenho geral de um hospital, existem maneiras de melhorar a eficiência de certos processos, como marcar consultas médicas ou comunicar-se entre médicos. Isto faz parte diretamente de uma boa gestão, pois a alta demanda exige um comprometimento extra, uma vez que se trata unicamente de saúde.

Como os recursos financeiros dos hospitais são limitados e a folha de pagamento representa cerca de 60% dos gastos, melhorar o desempenho do trabalho de cada profissional de saúde parece ser o caminho a percorrer. Isso deve ser alcançado simplificando as tarefas de cada parte interessada e não lhes atribuindo sempre mais tarefas.

planilha Controle de Horas e Folha de Ponto

A jornada de trabalho é o funcionamento do desempenho, adequando as atividades corretas para cada profissional manterá um trabalho constante daqueles que se especializam e determinada área para atuar justamente nesta.

Como distribuir a jornada de trabalho?

Garantir uma distribuição ideal das tarefas de trabalho

O tempo dos médicos e os outros profissionais de saúde é precioso. Além das questões financeiras, a expertise dos médicos forma a base dos serviços oferecidos pelos hospitais e até mesmo de todo o sistema de saúde.

Hospitais que desejam melhorar seu desempenho enquanto permanecem dentro do orçamento devem começar garantindo que as agendas dos médicos sejam otimizadas.

Não se trata aqui de fazer os médicos trabalharem mais, o que pode ter consequências na quantidade de erros médicos e no bem-estar dos médicos, mas sim otimizar o seu tempo para que possam focar-se na sua profissão.

Existem as soluções web especializadas capazes de oferecer uma distribuição ideal de tarefas de trabalho para médicos graças a algoritmos alimentados por inteligência artificial, facilitando a distribuição da jornada e carga de trabalho durante o expediente.

Essas soluções são baseadas em regras que levam em consideração uma infinidade de fatores complexos, como a indisponibilidade e férias de cada médico, cobertura de plantões, preferências pessoais, subespecialidades, equidade na distribuição, necessidades de investigação etc.

Embora as programações dos médicos sejam extremamente complexas para criar e gerenciar, dificilmente existem casos que não podem ser tratados por uma solução automatizada. Ao garantir uma distribuição ideal das tarefas dos médicos, o hospital oferece melhor cobertura, facilitando o acesso aos cuidados de saúde.

Melhoria no processo de marcação de ponto eletrônico

Para a gestão adequada da jornada de trabalho em clínicas e hospitais, onde os profissionais costumam trabalhar em turnos, é necessário que seja realizado uma gestão de turnos corretamente, para que todos os profissionais tenham ciência do seu turno de trabalho, para cumprir da melhor maneira possível.

O controle de ponto é outro ponto que pode ser melhorado, eliminando o controle manual e iniciando com um controle digital, que facilita a vida dos funcionários na hora de realizar a marcação e automatiza os processos de controle da equipe de recursos humanos.

Um ótimo exemplo é o sistema de ponto Oitchau, que permite administrar e alterar os turnos com rapidez e facilidade, e permite acompanhar a jornada de trabalho dos profissionais em tempo real.

Simplifique a comunicação com médicos de plantão

Para reduzir os erros de comunicação e idas e vindas que prejudicam a eficácia da equipe responsável pelo contato diário com os médicos de plantão, é importante centralizar a disponibilidade dos médicos de plantão e garantir que eles estejam atualizados.

A melhor maneira é configurar uma lista única de plantão com atualização automática e que possa ser acessada de todos os dispositivos eletrônicos da equipe, incluindo seus dispositivos móveis.

Com uma solução avançada baseada na web, a lista de plantões pode até ser sincronizada em tempo real com as agendas dos médicos de cada departamento.

Melhorando a coordenação dos cuidados, uma lista de plantão que centraliza programações para todos os departamentos e atualiza automaticamente libera tempo para o pessoal responsável pela comunicação e alterando horários.

Essa ferramenta elimina o risco de a equipe entrar em contato com o médico de plantão errado no meio da noite, acordando-os sem motivo.

Automatizar o gerenciamento de consultas de pacientes

É automatizando tarefas repetitivas anteriormente executadas manualmente que as organizações podem melhorar seu desempenho com mais eficácia. No setor da saúde, um caso típico é a marcação de consultas por telefone, que está cada vez mais automatizada graças à marcação online.

Oferecer aos pacientes a marcação de consultas online e automatizar o envio de lembretes de consultas são duas boas maneiras de aumentar o desempenho de um hospital.

Os hospitais ganham assim com a obtenção de ferramentas que lhes permitem realizar vários processos de comunicação ao mesmo tempo, nomeadamente com a atualização automática das informações dos horários dos médicos.

Uma boa maneira de economizar dinheiro e facilitar o gerenciamento de mudanças é optar por uma solução acessível a partir dos dispositivos móveis dos funcionários.

Aproveite as vantagens do big data

Alocar pessoal disponível para responder mais eficazmente à demanda? Este clássico problema de gestão assume uma dimensão muito especial no campo da saúde. Um número insuficiente de pessoal pode ter consequências graves para a saúde dos pacientes: é imperativo ter sempre pessoal disponível.

Quando os profissionais atuam em períodos de menor movimento, eles podem não estar disponíveis em períodos com uma demanda maior, e esse efeito é causado pela falta de gestão sobre os turnos de trabalho.

É aí que entra o big data. Ao contar com o número de consultas e admissões que ocorreram no passado, é possível prever a boa vontade durante um período. Graças a essas previsões, o profissional está pronto e os serviços de saúde oferecidos são de melhor qualidade.

Para aproveitar as vantagens do big data, você precisa ter um sistema de TI que coleta e centraliza todas as informações disponíveis, gerando relatórios e painéis para controle.

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau