Imagem com home adotando a cultura Anywhere office

Anywhere Office: como adequar o time para essa cultura?

O anywhere office é um conceito e modelo de trabalho que ganhou muitos adeptos ao longo da pandemia e após ela. E saiba: ele veio para ficar e pode trazer várias vantagens às empresas, que vão desde economia até a felicidade do colaborador.

Por isso, esse modelo pode ser de grande valia, além de representar o futuro e o que se espera do mercado de trabalho e suas transformações. Colocá-lo em prática, então, pode ser uma excelente escolha.

Para que isso dê certo, são necessários alguns cuidados e passos essenciais. Com eles é possível alinhar todos os colaboradores com as novas práticas, bem como colher uma série de benefícios. Abaixo, então, veja dicas de como adotar o modelo.

O que é anywhere office?          

Imagem com pessoa no notebook após a adoção da cultura Anywhere office                                                           

Essa expressão inglesa significa “escritório em qualquer lugar”, o que já resume bem como esse formato de trabalho funciona. Nesse caso, estamos diante da decentralização dos locais de prestação de serviços.

Os empregados não possuem obrigação de se apresentarem na sede empresarial para prestarem serviços e nem precisam, necessariamente, prestá-lo de suas casas. Afinal, aqui o conceito é claro: o escritório pode ser em qualquer lugar.

Desse modo, é possível que a prestação de serviços ocorra na casa do trabalhador, na empresa, em um coworking, em cafés ou em qualquer outro local!

Nesse modelo, aliás, os trabalhadores não possuem a obrigação de se manterem em uma cidade enquanto prestam serviços. Podem viajar para outras cidades, estados e países e promover as atividades de onde quiserem.

Para isso, basta que estejam conectados à internet e que tenham à disposição aparelhos tais como computadores e celulares. Com isso, podem desenvolver suas atividades e deveres, participar de reuniões e muito mais.

Dessa forma, o que temos nesse modelo é a completa liberdade ao colaborador. Ele pode escolher entre prestar serviços do escritório montado em sua própria casa ou, então, em frente ao mar, em uma praça, café, shopping ou onde quiser!

Como preparar equipes para nowhere office? Conheça desafios do RH e soluções

Mulher adotando a cultura Anywhere office

O trabalho que segue o modelo em que não há estipulação de um local exato para sua realização pode trazer uma série de benefícios à empresa e aos colaboradores. A flexibilidade que ele promove atua em favor do clima organizacional, da felicidade dos colaboradores e da produtividade.

Para que isso seja possível, todavia, é imprescindível que alguns cuidados sejam tomados. São eles que você confere abaixo e que ilustram, ao mesmo tempo, os desafios e as soluções para que o RH coloque em prática o anywhere office sem maiores problemas. Confira!

Conceda materiais de trabalho para o anywhere office

Em primeiro lugar, qualquer empresa que queira aderir ao trabalho em qualquer lugar precisa se organizar para entregar aos colaboradores os materiais de trabalho necessários.

Uma vez que a conexão é imprescindível, computadores e celulares também o são.

Capacite as equipes: Treinamento e divulgação dos benefícios do modelo de trabalho nowhere office

Outro cuidado essencial para colocar o conceito de escritório em qualquer lugar é a capacitação. E aqui nos referimos a duas frentes: a primeira delas é de preparação do colaborador para prestar serviços à distância e com a liberdade que esse modelo oferta.

Assim, é necessário que se crie uma cultura organizacional compatível com esse modelo de trabalho. Do mesmo modo, ensinar aos colaboradores como gerir seu tempo e suas atividades e como usar os softwares necessários ao trabalho à distância.

Tudo isso, então, permite que o colaborador tenha independência na realização das atividades, bem como tenha à disposição tudo o que precisa para que seus deveres sejam cumpridos com qualidade.

Além disso, outro ponto da capacitação se refere à internalização do conceito de nowhere office. Isto é, os colaboradores devem conhecer o modelo. Com isso, terem noção do porquê ele é importante e como ele pode ajudá-los, bem como auxiliar à empresa.

Determine jornadas e escalas para aplicação do anywhere office

O terceiro passo essencial para que o trabalho sem local específico para realização obtenha sucesso corresponde à determinação de jornadas e escalas. Hoje a lei permite a contratação de colaboradores em home office por atividade, mas isso não é o ideal.

Afinal, como já vimos aqui no blog, a liberdade de horários e a não determinação de prazos para entregas (que é o que ocorre nas contratações por atividade, e não por jornada) pode fazer com que haja procrastinação das ações, mesmo (e principalmente) que de forma inconsciente.

Além disso, a empresa precisa se organizar para que ocorra a entrega das atividades de modo coordenado. Isto é, de forma que a prestação de serviços de modo descentralizado em relação ao local não prejudique as entregas.

Por isso, determinar jornadas é de grande importância. Ainda, é possível determiná-las de modo mais flexível.

Por exemplo, o trabalhador tem um turno que se dá em certo período, mas não precisa necessariamente estar disponível durante todas essas horas, desde que a atividade seja entregue.

Essa decisão cabe a cada empresa. Aqui, então, torna-se possível determinar o trabalho em escalas, de modo que alguns trabalhadores prestam serviços pela manhã, outros à tarde e outros à noite. Com isso, a empresa está sempre em funcionamento.

Use um controle de jornada digital

Para que as escalas e jornadas realmente funcionem e haja uma gestão mais próxima, o controle de jornada é indispensável. E, saiba: conforme a lei, hoje ele é necessário mesmo em home office, de modo que também se aplica no nowhere office.

Para isso, conte com o controle de ponto digital Oitchau.

Basta ter acesso à internet para fazer as marcações registradas no sistema em tempo real. Ele, então, atualiza as jornadas diárias e semanais, banco de horas e horas extras.

Garanta uma estrutura de TI

Por fim, para que a determinação do trabalho no modelo de nowhere office realmente funcione é essencial que você garanta aos trabalhadores uma estrutura de TI.

Isto é, que eles tenham a quem recorrer ao se depararem com problemas com os sistemas, equipamentos e conexões. Com isso, torna-se possível encontrar a origem do problema e respectiva solução desde logo.

O trabalho não é prejudicado, e nem as entregas. Tudo, então, pode fluir da maneira correta, mesmo que haja descentralização do local de trabalho.

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau