Liderança humanizada: Descubra novos modelos de gestão capazes de melhorar o nível de satisfação na empresa

Entenda como uma gestão voltada para o sucesso coletivo pode impulsionar os resultados da sua empresa!

É melhor ser amado ou ser temido? Muitos líderes costumam empregar em sua liderança uma gestão voltada para o alcance de metas, dando bonificações para quem as supera e advertências para quem não cumpre o esperado.

Os modelos de gestão tradicional geram um constante desgaste emocional e uma grande desmotivação nos funcionários que se vêem apenas como mão de obra, e não como elementos essenciais para o pleno funcionamento da empresa.

Segundo dados do International Stress Management Association (ISMA – BR), 32% dos trabalhadores brasileiros sofrem de burnout, uma síndrome causada por tensão emocional e estresse provocados por condições de trabalho desgastantes.

O que as empresas não levam em conta é que o colaborador, quando está exausto e insatisfeito, acaba sendo menos produtivo e gerando menos resultado, o que provoca sentimento de insatisfação pessoal e profissional.

Companhias que valorizam e estimulam seus colaboradores, transformando o ambiente empresarial em um local onde os funcionários se sentem seguros, costumam colher produtividade e melhores resultados.

Os novos modelos de gestão humanizados que focam na satisfação dos colaboradores têm se ampliado e feito cada vez mais empresas crescerem e reterem pessoal.

Quer conhecer esses novos modelos? Então, embarque com a gente nessa leitura!

 

1. Líder Humano Gera Resultados – Ligia Costa

 

Já pensou em trabalhar em uma empresa cuja gestão realmente se preocupe com o bem-estar dos colaboradores e procure atender suas necessidades?

Ligia Costa, criadora do “Movimento Liderar com Amor Gera Lucros”, explica em seu livro Líder Humano Gera Resultados que os modelos de gestão tradicionais, baseados no controle e medo, geram nos colaboradores um sentimento de insegurança psicológica que os leva a verem o trabalho como um fardo.

Certificada em “Mindfulness” pelo Centro de Felicidade do Butão, a autora defende em sua obra a liderança compassiva, que tem como base a empatia para gerar relações sustentáveis. Afinal, uma empresa cuja gestão é eficaz é capaz de reter seus talentos e os manter produtivos e satisfeitos.

Romper com o tradicional e aplicar uma nova gestão na empresa pode não ser uma tarefa fácil a princípio, mas é comprovado que uma liderança humanizada produz melhores resultados. Recomendamos conferir os exercícios sugeridos pela autora para dar início na jornada em busca de uma liderança voltada para o colaborador.

2. The Kind Leader – Karyn Ross

 

Quando você pensa em uma pessoa em posição de liderança, quem vem a sua cabeça? Agora, imagine uma característica que você julgue essencial em um líder.

Imaginamos que na primeira pergunta nenhuma figura feminina tenha vindo à sua cabeça e na resposta da segunda pergunta você provavelmente não pensou em “gentileza”. Pensando nisso, trouxemos a obra The Kind Leader para te mostrar como a gentileza pode gerar liderança.

Karyn Ross, co-fundadora da Women in Lean – Our Table, ensina nesta obra que a gentileza está mais atrelada a figuras femininas e que, por isso, quando falamos de liderança, essa característica é vista como uma fraqueza. Porém, a autora explica que colaboradores tratados com amor possuem maior conexão com a empresa.

É apresentado ainda que os colaboradores costumam espelhar seus comportamentos nas atitudes dos líderes, logo, agir de forma competitiva, agressiva e insensível cria um ambiente de trabalho hostil. Acredite na autora, ao contrário do que Maquiavel diz, é mais eficaz para um líder ser amado do que temido.

3. Empresas Humanizadas – Raj Sisodia, David B. Wolfe, Jag Sheth

 

Não podemos dizer que um único modelo de gestão é perfeito. Porém, os novos modelos humanizados que vêm priorizando pessoas aos lucros têm apresentado rendimentos satisfatórios como consequência da melhoria da vida e satisfação de seus colaboradores, e é isso que veremos no livro Empresas Humanizadas.

Os autores Raj Sisodia, David B. Wolfe e Jag Sheth relatam nesta obra cases de empresas que alcançaram resultados impressionantes após inserirem na cultura da empresa a busca por melhoria na qualidade de vida de seus funcionários. O que, segundo dados mostrados na obra, têm gerado lucros consideravelmente maiores.

É mostrado ainda que as empresas que melhoraram os salários de seus funcionários e concederam benefícios tiveram uma menor taxa de turn over e gastaram menos com recrutamento e treinamento, além de aumentarem seus lucros através de uma melhora no índice de produtividade.

Em suma, os autores elucidam diversos pontos que mostram que uma gestão de pessoas pode ser muito vantajosa, e ressaltam a importância de adotar uma cultura na qual o colaborador é visto não como um recurso, mas sim como uma fonte.

4. Todos São Importantes – Bob Chapman, Raj Sisodia

 

Raj Sisodia, autor da obra anterior, e que também foi consultor de empresas milionárias como a Volvo e IBM, se juntou com Bob Chapman, CEO da Barry-Wehmiller, para mostrar no livro Todos São Importantes a relevância de compreender o valor das pessoas dentro de uma empresa.

Os autores ensinam nessa obra a importância de criar um ambiente familiar na organização, no qual todos entendem a importância da função que desempenham, possuem orgulho dos colaboradores que trabalham com eles e vêem oportunidades de alcançar patamares cada vez mais altos.

Para transformar o ambiente empresarial em um ambiente familiar, os autores sugerem:

  • Tratar cada funcionário da forma que você gostaria que seu filho fosse tratado no trabalho;
  • Transformar a empresa em um lugar que os colaboradores gostem de estar;
  • Celebrar a diversidade de cada indivíduo;
  • Ajudar os funcionários que apresentam baixo desempenho para entender a causa do problema.

Ainda é apontado no livro a importância de encorajar os colaboradores a testarem novas ideias sem medo de falhar, pois isso gera um sentimento de confiança e credibilidade dentro da empresa. A própria Netflix implementa essa prática chamada de “liberdade responsável”.

5. A Coragem Para Liderar – Brené Brown

 

Já parou para pensar que os atos de coragem só existem porque nos permitimos ser vulneráveis? Você deve estar se perguntando o que esse questionamento tem a ver com liderança humanizada.

Bem, Brené Brown explica no livro A Coragem Para Liderar que a inovação, a criatividade e as transformações só são possíveis quando nos permitimos sermos vulneráveis. Isso acontece porque ao arriscarmos algo desconhecido, temos que nos permitir falhar.

E o que a vulnerabilidade tem a ver com liderança? Gestores que não se permitem ser vulneráveis, não se abrem para ouvir seus colaboradores a fim de entender os sentimentos, medos e ressalvas de cada um, o que os leva a não saberem quais mudanças precisam ser feitas para melhorar a satisfação na empresa.

A autora ressalta ainda que o tempo gasto para ouvir os feedbacks e implementar melhorias é bem menor do que a busca por otimização de processos quando os colaboradores apresentam comportamentos improdutivos causados pela insatisfação.

Transforme sua empresa em um lugar onde você gostaria de trabalhar!

 

Um comportamento muito visto em funcionários é começar um novo emprego ou função com muita empolgação e ir perdendo o ânimo conforme o tempo vai passando.

Como vimos, a falta de motivação se dá por falta de reconhecimento dentro da empresa, falta de possibilidades de crescimento, salários desproporcionais ao esforço e falta de benefícios que facilitem a vida do colaborador.

Então, comece agora a implementar na sua empresa uma gestão que valoriza e motiva os funcionários, e veja acontecer o aumento da produtividade, dos lucros e da satisfação!

Este post foi produzido pela equipe do PocketBook4You, uma plataforma que oferece centenas de resumos de livros dos maiores autores e best-sellers da atualidade, e tem como principal missão levar conhecimento diversificado que se encaixa no dia a dia de cada um dos seus usuários, ao redor do Brasil e do mundo!

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau