Vendas por telefone: 11 4210 2846
whatsapp iconVendas no WhatsApp
trabalho híbrido

Modelo de trabalho híbrido: conheça a nova modalidade

O modelo de trabalho híbrido está se tornando uma realidade para muitas empresas nesse pós pandemia. O ambiente corporativo passou por muitas mudanças, em pouco tempo, e agora não temos apenas a opção de atuar remoto ou presencial, existe um meio termo.

O home office ganhou muitos adeptos ao longo dos anos, e após a Reforma Trabalhista, com a regulamentação da modalidade, ele se tornou um pouco mais comum em muitas empresas. Mas, as empresas estão entendendo que apesar de ser um modelo viável, ele pode ser mesclado.

Trabalhar alguns dias de casa, em home office, e outros dias no escritório, é interessante para os colaboradores e para as empresas, e está se tornando um modelo atrativo para algumas companhias, ganhando destaque no mercado. Ele permite as interações sociais controladas, mas sem criar nenhum tipo de aglomeramento.

Modelo de trabalho híbrido: O que é?

Nesse formato de trabalho, duas modalidades são mescladas, criando uma modalidade. Não é necessário escolher entre atuar 100% presencial ou 100% home office, é possível equilibrar as duas.

As empresas conseguem criar escalas, revezar as equipes, ou alternar os colaboradores para ter sempre colaboradores em home office, mas também contar com colaboradores no escritório.

Existem empresas que estão optando por determinar alguns dias da semana para parte da equipe praticar o home office, e outra parte presencialmente, e na semana seguinte, realizar o revezamento.

O home office, apesar da mudança inesperada para muitas empresas que ainda não tinham o hábito, foi aprovado, provando sua eficácia e se tornando um modelo economicamente mais viável diante do cenário econômico mundial.

Mas, algumas empresas passaram por alguns problemas em sua implementação, como a estrutura precária, local inadequado de trabalho na casa do colaborador, distanciamento físico dos companheiros de equipe e o aumento dos quadros de ansiedade e estresse.

E esse conjunto de preocupações está motivando as empresas a buscar um equilíbrio entre as duas modalidades de trabalho, de forma que os colaboradores se mantivessem em segurança, mas que fosse possível estar presencialmente uma ou duas vezes na semana.

O retorno pós pandemia ainda está gradativo, algumas empresas estão inserindo esse modelo com cuidado, pois ainda o distanciamento social continua sendo necessário, mas com uma certa flexibilização.

E com a adoção de medidas preventivas, pode se tornar um modelo que fará sucesso, e terá ganhos para as empresas.

Por que o modelo de trabalho híbrido será necessário em um futuro próximo no ambiente corporativo?

A caracterização desse novo modelo de trabalho é a autonomia que os colaboradores possuem em escolher a melhor forma para realizar a sua jornada de trabalho, da melhor forma possível.

Alguns preferem trabalhar mais tempo de casa do que no escritório, outros já preferem justamente ao contrário, e assim é possível equilibrar as jornadas.

Algumas empresas ainda permitem que o colaborador tenha uma terceira escolha, com uma atuação em escritórios flexíveis, como os coworkings.

Com o avanço do tempo, as empresas estão buscando uma opção que colabore para a produtividade dos colaboradores, além de estimular sua criatividade e mantê-los felizes. Os resultados que estão sendo apresentados até o momento animam para um novo futuro, com mais flexibilidade e produtividade.

A tecnologia está em constante evolução, permitindo que novas ferramentas sejam lançadas, auxiliando na execução das atividades, reduzindo os riscos de erros e falhas. E ainda reduzindo a carga de trabalho nas empresas, onde os colaboradores conseguem fazer muito mais, com menos esforço.

As tendências é que estejamos caminhando para um futuro corporativo muito mais flexível, que priorize as necessidades dos colaboradores, fazendo com o que ambiente de trabalho seja gratificante e colaborativo, mas que possibilite aumentar o valor retornado para as companhias.

Antes da pandemia, o home office era uma tendência em crescimento no mercado, e com o cenário da pandemia, reforçou essa teoria e demonstrou na prática todos os benefícios que o modelo de trabalho permitia. Em menos de 01 ano, o mercado passou por uma transformação que estava sendo esperado para 10 anos.

No modelo de trabalho híbrido estão acontecendo novos questionamentos, como o melhor de dia da semana para trabalhar em casa? E presencialmente? Cada colaborador tem uma visão diferente sobre esses questionamentos, deixando tudo muito mais democrático e mais simples para administrar.

Esse é o momento em que as empresas precisam ouvir mais seus colaboradores, entender as suas necessidades e buscar uma adequação na medida do possível, de forma que ele consiga equilibrar a sua vida pessoal e profissional, no escritório ou em home office.

Aprendizados para o “novo normal”

Está sendo um momento de grande aprendizado para ambas as partes, e o mais importante é que todos se permitam crescer, melhorar seus conceitos e encontrar o ponto que mantém tudo isso em perfeita sintonia.

O modelo de trabalho híbrido é a conquista da liberdade do colaborador de conseguir atuar onde desejar, de acordo com os alinhamentos realizados entre a empresa, a equipe e os gestores.

O isolamento social trouxe inúmeras lições, novas formas de fazer a mesma coisa, sendo muito mais produtivo e dinâmico.

E o mais importante é que percebemos o poder da união, não apenas no ambiente corporativo, mas de uma forma geral, já que sem a união, talvez não fosse possível ter um “novo normal”.

Muitas empresas só conseguiram passar pela pandemia, criando novos hábitos, mudando suas rotinas, implementando ações estratégicas e agora, esse modelo de trabalho fará parte de rol de transformações.

Quais são os principais benefícios do modelo de trabalho híbrido?

São muitos os benefícios que são oferecidos por esse novo formato de trabalho, tanto para as empresas, quanto para os colaboradores. Veja a seguir.

Benefícios para os colaboradores:

  • Flexibilidade
  • Liberdade
  • Comodidade

E para as empresas:

  • Redução de custos
  • Redução do turnover
  • Melhoria na produtividade

Os ganhos do modelo híbridos são bilaterais, já que ambas as partes têm ganhos importantes e que estão sendo almejados ao longo da história. Tem desafios que precisam ser trabalhados, como a comunicação transparente da empresa com seus colaboradores.

E é necessário a oferta de uma estrutura mais adequada de trabalho, para que esse novo modelo realmente seja um sucesso na sua implementação nesse pós pandemia.

Receba o melhor conteúdo de Gestão de Pessoas no seu e-mail

Siga nossa Newsletter

controle-de-ponto-guia-completo
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 89/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau