diferença entre gestor e gerente de projetos

Indicadores de projetos de TI: quais monitorar?

Para saber se o andamento dos processos se aproxima da meta ou se precisa de ajustes na conclusão, é preciso utilizar os indicadores de projeto de TI

Para saber se o andamento dos processos se aproxima da meta a ser batida, ou se precisa de ajustes na conclusão, é preciso utilizar os indicadores de projeto de TI, ele permite um monitoramento mais detalhado e objetivo.

Esses indicadores possuem métricas decisórias para a continuidade e sucesso dos projetos, são discutidos em reuniões de alinhamento, planejamento e também durante a execução.

Contribuem para a equipe usar o recurso da melhor maneira, conseguir destinar as tarefas por meio de ações e estratégias, além de reduzir a possibilidade de erros e riscos, mantendo a qualidade e prazo da entrega.

Para entender um pouco mais sobre o funcionamento dos indicadores de projetos de TI, continue a leitura.

O que são indicadores de projetos de TI?


Também conhecido como KPIs
, Key Performance Indicators na tradução são Indicadores Chave de Desempenho, sendo estes fatores importantes para a tomada de decisão, desenvolvimento e resultado dos projetos de TI.

Apontam quais ações devem ser alteradas, ajustadas, repetidas ou excluídas de vez. Podem ser utilizadas junto a metodologias ágeis que contém a daily scrum (reuniões diárias) ou com o PMBOK que é o guia completo da gestão de projetos.

Mas esses indicadores possuem diversas variações, cada um serve para realizar métricas de pontos específicos do projeto.

Quais são os indicadores de projetos de TI?

Separamos os principais indicadores, que possuem métricas diferentes e cálculos simples de fazer, mas que apontam detalhes importantes e cruciais de todo o projeto: o orçamento, prazos, esforço, tarefas, desempenho.

Indicadores de desempenho

  • ROI – Retorno sobre Investimento, mostra os resultados do investimento feito em ações de marketing, para saber quanto de lucro teve do valor disponibilizado. O cálculo utilizado é: ROI =  Receita gerada – Custos / custos.

  • IDP- Índice de Desempenho de Prazo, mede a eficiência que o cronograma do projeto obteve, calcula o valor agregado com o valor planejado.
    IDP = VA / VP.

  • IDC – Índice de Desempenho de Custo, mede se o orçamento utilizado cumpre os valores planejados, verificando os custos reais, se o resultado for acima de 1, a empresa está com prejuízo na ação, agora se for 1 estará dentro. IDC = VA / VP.

Indicadores de impacto

São voltados às métricas de longo prazo, e podem indicar se o projeto obteve sucesso ou não. Mostra em quais aspectos podem ter teor qualitativo como prova social ou quantitativo, como novos cliques no site.

Indicadores de efetividade

Mede as metas especificadas no projeto, principalmente se tratando dos efeitos sentidos pelo público, podendo ser reduzir a demora  no tempo de entrega, aumentar eficiente do site, tornar o atendimento mais intuitivo. E são métricas voltadas ao médio prazo.


Indicadores de Operação


Esses precisam ser utilizados todos os dias, o gestor de projetos de TI, precisa reparar no orçamento e cronograma, para alinhar as entregas de tarefas com as metas, e também dos seguintes aspectos:

 

  • Índice de produtividade: para calcular esse indicador, precisa conhecer muito bem os clientes, o serviço ou produto e também as expectativas referentes a empresa.


Índice de produtividade = número de clientes atendidos / horas trabalhadas no período

  • Desvio de custos: Verificar se o custo planejado está de acordo com o custo real, durante o desenvolvimento do projeto de TI. Pode utilizar o mesmo cálculo para projetos em andamento e também projetos finalizados.

    Desvio de custo = (custo efetivo – custo planejado) / custo planejado

    Desta maneira se o resultado for 0 (zero) significa que o custo está dentro do valor. Agora se for positivo o valor foi ultrapassado e se o resultado for positivo foi feito menos uso do orçamento.

 

  • Desvio de esforço: está relacionado ao esforço da equipe em relação a execução do projeto, é importante para medir se a equipe está sobrecarregada, se falta mais tarefas ou se está em ótima organização.

    Desvio de esforço = Total de horas trabalhadas / total de horas planejadas


Resultados negativos indicam que o cronograma está alinhado com o esforço da equipe, mas se der positivo é um sinal de alerta que ocorrerá atraso nas entregas e a divisão de tarefas ou novas contratações precisam ser feitas.

  • Desvio de prazos: mede se o prazo planejado foi seguido no prazo real, pois a entrega pode ter sido finalizada antes da data ou em atraso, o que é chamado de fim do projeto.

    Existe o cálculo para os projetos de TI em andamento:

    Desvio de prazo = (previsão de fim – fim planejado até agora) / duração planejada


E o para os projetos finalizados:

Desvio de prazo = (fim real – fim planejado) / duração planejada


Vantagens de utilizar indicadores de projetos de TI


Com o monitoramento dos indicadores de projetos de TI, fica mais fácil para o gestor de projetos, alinhar o planejamento, cronograma, estratégias e ações de acordo com o orçamento fornecido, prazos e esforço da equipe.

Porque ao acompanhar essas métricas, terá mais clareza sobre o que precisa ser modificado, mantido ou excluído. Assim não entra em um mundo de achismos, e pode manter o constante crescimento da empresa e aumentar a motivação da equipe.

Em relação a otimização de tempo, redução de custos e aumento de produtividade, os indicadores são essenciais para preparar os colaboradores para projetos futuros, pro já conter dados de estudo e preparação de novos processos.

Para mais dicas, acompanhe o Blog da Oitchau
Leia também: Planilha ROI: Como calcular?

Enviar comentário

Oitchau - Registro de ponto por reconhecimento facial
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau