Duas mulehres apertam as mãos, uma é recrutadora e outra entrevistada

Como saber se é melhor recrutar um talento interno ou externo

A gestão de pessoas de uma empresa, tem como tarefas reavaliar posições de colaboradores e cumprir metas de promover promoções e abrir novas vagas, para que o time seja sempre seleto e com novos talentos, por isso é preciso decidir se vai recrutar um talento interno ou externo.

Assim, o recrutamento e seleção terá que estar atento às movimentações e capacidade do time, para decidir se um colaborador poderá ter a chance de mudar de setor ou subir de cargo, ou se a oportunidade será para novos colaboradores.

Por isso, o recrutador precisa ter uma visão ampla de como estão os processos internos da empresa, para definir se agora é um momento de dar uma nova oportunidade para o time ou a novos talentos. 

Separamos algumas dicas para te auxiliar nessa tomada de decisão. Confira!

 

O que é o recrutamento externo?

É o momento em que a equipe de recrutamento e seleção, disponibiliza uma vaga de emprego em aberto para não contratados. Desta maneira, candidatos fazem a sua inscrição e competem a vaga junto com mercado de trabalho, que atrai vários interessados em fazer parte do time.

Podem ser feitos através de sites de vagas de emprego, rede social de trabalho, indicação de colaboradores, divulgação em outras plataformas ou em grupos de emprego. Sempre com descrição da vaga, pré-requisitos e principais funções do cargo.

Também vale considerar, se os processos continuam com efeito positivo sobre a vaga, para os métodos serem alterados à medida que encontrarem rejeição ao processo seletivo ou a proposta por candidatos em fases finais. 

Pois apesar de avaliar diversos candidatos interessados, muitos candidatos também estão em busca de vagas em outras empresas também, o que é bastante comum na procura por emprego, então é preciso mostrar sempre o diferencial da empresa.

 

Benefícios do recrutamento externo

  • Conhece novos talentos que vão somar na equipe;
  • Pode avaliar como está o mercado de trabalho;
  • Analisar como a empresa é vista;
  • Gera atualização no banco de talentos;
  • Contribui para a criação de novos projetos. 

New call-to-action

 

O que é o recrutamento interno?


É o momento que o RH anuncia uma oportunidade aos próprios colaboradores da empresa, assim passam a ter a chance de mudar de cargo, setor e até mesmo função. Bastará ser funcionário e cumprir os desafios que a empresa busca para ocupar a vaga.

Pode parecer uma tarefa mais fácil, porém deve haver uma gestão de conflitos para lidar com colaboradores, que não se sentirem motivados pro não terem passado na seleção. Vale deixar claro, que outras oportunidades serão dadas e que todos os setores e colaboradores estão sendo avaliados, para assim serem promovidos ou seguirem o plano de carreira de modo natural.

 

Benefícios do recrutamento interno

 

  • Descobre um novo talento dentro da empresa;
  • Motivação por dar oportunidade à equipe;
  • Redução de turnover;
  • Retenção de talentos;
  • Os colaboradores se sentem mais valorizados;
  • Demonstra confiança;
  • O processo seletivo é mais rápido;
  • A cultura organizacional já é conhecida;
  • Economiza, pois a documentação não precisa ser feita do zero, apenas atualizada.

Qual a melhor escolha para a empresa?


A equipe de recrutamento e seleção, deve levar em consideração qual é o momento atual da empresa, se tem colaboradores com a expertise que precisam para a nova vaga, se existe o desejo de mudarem de área.

E tudo isso só pode ser descoberto através de rodadas de feedbacks, disponibilidade de receber sugestões e críticas, na aplicação da pesquisa de clima, ao observar os processos da empresa e em como estão encaminhados.

Ao conhecer os colaboradores com base em dados e observação, é possível identificar quais vagas são mais adequadas a serem promovidas para recrutar talento interno ou externo.

Já que em alguns casos, é necessário que haja novos candidatos para reavaliar o mercado de trabalho, e gerar a oportunidade de um novo colaborador somar com a equipe. Tudo é uma questão de avaliação e testes.

Um ponto a se pensar, é que deve ser avaliada a taxa de turnover e retenção de talentos, para definir quais vagas serão internas e quais serão externas. Mas é importante para as empresas fazer um pouco das duas coisas, para promover mais oportunidades.

Para mais dicas acompanhe o Blog da Oitchau

Leia também: Por que dar feedback para candidatos finalistas é importante?

 

Enviar comentário

PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau