Vendas por telefone: 11 4210 2846
whatsapp iconVendas no WhatsApp
modelos de folhas de ponto

Modelos de folhas de ponto disponíveis atualmente

Os diferentes modelos de folhas de ponto auxiliam as empresas na tarefa de calcular e fazer o fechamento da folha de pagamento dos colaboradores.

Na prática, as informações anotadas devem identificar os dados da rotina dos empregados como a quantidade de horas diárias trabalhadas, possíveis ausências, horas extras, banco de horas, dentre outras outras situações do ambiente corporativo.

No entanto, esse método é o menos recomendado nos dias de hoje, principalmente porque unir todos esses dados em grande volume, todos os meses, dá muito trabalho. E, sabemos que isso, na prática, também costuma ser propício a erros.

 Sob este contexto, a seguir, abordaremos mais detalhes sobre como funciona a folha de ponto e em quais situações ela pode ser vantajosa para as empresas. Acompanhe!

reembolso de quilometragem

O que é folha de ponto?

O documento tem a função de comprovar a assiduidade e registrar os horários dos trabalhadores durante a sua jornada de trabalho.

São levadas em consideração, ao todo, quatro diferentes marcações durante um mesmo dia: anotações sobre entrada, pausa para a refeição, retorno da pausa e término do expediente.

A partir disso, somente ao final de cada mês, após a folha de ponto estar totalmente preenchida, é que serão conferidas e utilizadas essas informações geradas pelos profissionais, principalmente visando o cálculo da folha de pagamento da empresa.

O que garante as leis trabalhistas sobre o assunto?

Ao adotarem uma ferramenta de registro de ponto, as empresas consequentemente terão que emitir um dentre os modelos de folhas de ponto. 

É válido lembrar que este movimento garante que esses empregadores estejam cumprindo o que prevê a legislação, inclusive.

Isso porque eles são obrigados a aderir algum método de controle de ponto caso possuam mais de 20 colaboradores com carteira assinada na empresa. Essa determinação foi, inclusive, implementada recentemente pela Lei da Liberdade Econômica.

Veja o que diz o artigo na íntegra:

“Art. 74. O horário de trabalho será anotado em registro de empregados. (Redação dada pela Lei nº 13.874, de 2019).

Parágrafo 2º: Para os estabelecimentos com mais de 20 (vinte) trabalhadores será obrigatória a anotação da hora de entrada e de saída, em registro manual, mecânico ou eletrônico, conforme instruções expedidas pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, permitida a pré-assinalação do período de repouso. (Redação dada pela Lei nº 13.874, de 2019)”.

Ainda sobre essa obrigatoriedade, o Ministério do Trabalho permite que o controle seja feito por diversos meios, sejam eles manuais ou automatizados, como vimos no trecho acima.

Quais são os diferentes modelos de folhas de ponto?

1. Planilha 

A planilha de controle de ponto tem uma função complementar à folha de ponto: serve para organizar os dados registrados pelos colaboradores em suas anotações.

É possível configurar algumas planilhas com fórmulas prontas, as quais costumam calcular a soma das horas de forma automática, apontando um quadro geral do mês de todos os profissionais.

Vale lembrar que nesta ferramenta, ao invés de cada trabalhador fazer o seu controle diário, essa tarefa fica encarregada pelo gestor da área. 

2. Livro ou caderno

O livro ou caderno de ponto é bastante conhecido no cotidiano dos brasileiros. É aquele famoso “caderno” que as empresas costumam adquirir em papelarias. Esse método tem a mesma dinâmica das folhas de ponto. 

Na prática, trata-se de um livro diário, no qual os profissionais devem escrever os seus horários na frente de seu respectivo nome. Este é um dos modelos de folhas de ponto que  mantêm todos os registros dos colaboradores concentrados em um único lugar.

3. Folha de ponto simples

Comumente utilizado em escolas públicas, por exemplo, esse documento é bem simples — trata-se de uma folha individual na qual cada trabalhador possui uma nova página com os dias do mês para registro dos seus horários.

O colaborador deve anotar todas as marcações (entrada, pausas e saída) na folha de ponto e no final do mês entregá-la para a área de Recursos Humanos da empresa.

4. Mecânica

Este modelo de folha de ponto mecânica (ou relógio de ponto cartográfico) é um pouco mais seguro do que os anteriores. 

A partir dele, o colaborador pode usar o relógio de ponto para fazer a marcação dos horários da sua jornada de trabalho utilizando um cartão de ponto pessoal. 

Na prática, o procedimento é fácil: o profissional deve inserir o cartão de ponto no relógio, que geralmente fica localizado na entrada da empresa. 

Assim, o relógio pode registrar a entrada, as pausas intrajornada e a saída. Dentre os modelos de folhas de ponto existentes, esse é o tipo que conseguiu solucionar alguns dos problemas com rasuras e fraudes nas anotações dos horários de trabalho. Isso aconteceu porque o método registra as anotações exatas do horário por meio do relógio. 

No entanto, a folha de ponto mecânica é burocrática igual a folha manual, por exemplo, pois ela reúne todas as informações, mas elas precisam ser validadas e transcritas manualmente pelo pessoal do RH.

5. Folha de ponto digital

Esse é, sem dúvidas, um dos métodos mais seguros e eficazes para se fazer o controle de ponto e a gestão de horas trabalhadas pelos profissionais.

Este modelo é integrado a um aplicativo online de registro de jornada no qual os colaboradores podem fazer as suas marcações de horários por meio de smartphones, tablets ou computadores. É possível também, neste caso, integrar o relógio de ponto comum ao sistema digital.

Com a folha de ponto digital, toda vez que um profissional bate ponto, o sistema preenche sua folha de maneira automática. 

Controle de Ponto

Na prática, os sistemas de controle de ponto alternativos, como o Oitchau, são mais seguros e completos em relação ao modelos de folha de ponto com sistemas manuais.

Tipos de folhas de ponto digital

Com o avanço da tecnologia, a folha de ponto se modernizou e hoje existem diversos tipos de plataformas para marcação de ponto digital, confira algumas a seguir:

Crachá com chip para marcação na catraca

Em algumas empresas existem crachá na entrada, e com um chip é possível realizar a marcação do ponto bem como enviar um relatório totalmente informatizado para a área responsável. É um sistema de alta tecnologia que pouca bastante tempo das equipes no momento da contagem e apuração da folha no fechamento do mês.

No momento da admissão do colaborador na empresa, ele recebe um crachá funcional com a sua identificação e o chip que fará a identificação no sistema, marcando todas as entradas e saídas, contabilizando corretamente.

Comumente utilizado em empresas de grande porte, porém que possuem prédios próprios, assim o controle de pessoal fica mais simples.

A principal vantagem desse modelo de marcação de ponto é que por ser instalado diretamente na catraca, possibilita o controle por parte da portaria.

O problema mais comum para esse tipo de marcação de ponto é o desgaste do cartão com o uso contínuo, sendo necessário trocar de tempos ou tempos. Mesmo assim, ainda é possível realizar a digitação da matrícula ou documento pessoal para realizar a marcação do ponto.

Existem relógios que possibilitam a impressão de comprovante em papel da marcação do horário para que seja possível realizar o controle, de acordo com a legislação determina. E com isso, faz com o trabalho da equipe de recursos humanos seja muito mais rápido.

Biometria

O controle de ponto realizado a partir da leitura da digital do colaborador é um sistema eficiente e rápido, e também permite que seja feito através de cartões, facilitando ainda mais a marcação do ponto por parte do colaborador. É uma das opções mais seguras para controlar a quantidade de horas trabalhadas diariamente.

Um dos mais modernos recursos para sistemas de marcação de ponto, pois ao utilizar a impressão digital impede que qualquer tipo de fraude ocorra.

A tecnologia, por sua vez, está muito mais acessível para as empresas menores, o que possibilita que os colaboradores que estão no escritório ou em home office realizem o registro de ponto online, utilizando leitores portáteis de impressão digital e registrando através da Internet, seu próprio Smartphone pode realizar o papel do leitor.

Se estiver em dúvidas sobre a melhor solução para sua empresa e seus colaboradores, a Oitchau possui diversas soluções para atender as suas necessidades, independente do porte ou segmento empresarial.

Essas plataformas já vêm com relatórios que notificam quando aparecem inconsistências na folha de ponto, por exemplo. Isto significa que, se existe dias sem marcações ou com batidas faltantes, possíveis atrasos, faltas injustificadas, etc.

Todas essas informações relevantes ao gerenciamento das jornadas aparecerão de forma rápida e simples aos administradores. 

Como vantagem, também podemos citar a facilidade de enviar os dados registrado pelo  ponto para a folha de pagamento. Ou seja, adotando esse tipo de sistema, o fechamento da folha passa a ser um procedimento simplificado e ágil.

Veja também: Plano de saúde empresarial: Como escolher o melhor?

Gostou das dicas sobre modelos de folhas de ponto disponíveis? Deixe o seu comentário e compartilhe estas dicas em suas redes sociais! Siga-nos também no Instagram!

Receba o melhor conteúdo de Gestão de Pessoas no seu e-mail

Siga nossa Newsletter

controle-de-ponto-guia-completo
PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 89/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau