controle de ponto

Controle de ponto: guia de como implantar na sua empresa!

O controle de ponto é essencial para as empresas gerirem os empregados e ao mesmo tempo os salários deles, com variações de descontos e de horas extras que alteram a remuneração ao final do mês.

E não é apenas para isso que o controle de jornada se dedica. Ele é utilizado para fiscalizações do trabalho e para que os gestores consigam realmente realizar a gerência das atividades que são realizadas na empresa.

Como implantar corretamente e de maneira efetiva o controle de jornada dos empregados é o que veremos abaixo.

O que é o controle de ponto?

Ele nada mais é do que a ferramenta da qual a empresa se utiliza para poder realizar a marcação dos horários dos empregados. Esses registros correspondem ao momento de início e de finalização do expediente diário e do início e final do intervalo para descanso.

Quais são os tipos existentes?

Existem diversos tipos de controles de jornada, sendo que a mais tradicional e antiga correspondia aos sistemas escritos de livro-ponto. Eles apresentavam diversos problemas, desde esquecimentos até rasuras e ilegibilidades.

planilha Controle de Horas e Folha de Ponto

Por isso eles passaram a ser substituídos com o passar do tempo pelas novas ferramentas tecnológicas.

Relógio Eletrônico de Ponto – REP

Uma das opções que se tornou muito comum foi o relógio de ponto, (REP), em que o trabalhador realizava a marcação com crachá ou senha. O grande óbice desse tipo de marcação é que ela pode sofrer com quedas de energia.

Outra questão que se mostra como um ponto negativo do REP é o fato de que ele só permite ao gestor o conhecimento dos horários de trabalho e das jornadas ao final do mês.

controle de ponto

Isso impede a organização prévia quanto às finanças destinadas ao labor extraordinário e à gestão dos empregados em relação às faltas ou horas extras em excesso.

Sistema Digital de Ponto

Finalmente surgiu o sistema digital de ponto, como o oferecido pela Oitchau. Ele atua de maneira parecida com o relógio de ponto e se diferencia por automatizar atividades e ser mais efetivo.

Ele é interligado a um sistema que capta automaticamente todos os dados que são registrados ali. A precisão dos horários é exata inclusive quanto aos segundos. Nesses casos o gestor pode acessar a qualquer momento os registros do empregado.

Tecnologia de reconhecimento facial ou por impressão digital

O sistema digital se utiliza da biometria facial ou digital para realizar a marcação pelo empregado. Com isso o registro demanda apenas 03 segundos após os quais o colaborador está livre para seguir com suas atividades.

A gestão do ponto se torna mais efetiva nesse cenário. Não é possível se deixar de citar outro ponto interessante do sistema digital de ponto que é a automatização de serviços burocráticos como é o caso do desenvolvimento de holerites e cartões ponto.

O sistema é capaz de captar as informações e automaticamente organizá-las, o que auxilia de sobremaneira nos serviços do RH.

Qual o melhor tipo de controle de ponto?

Com base no citado acima a melhor opção é o sistema digital de ponto para a marcação de jornada. Ele possui outras vantagens além das citadas acima, que incluem o fato de poder ser utilizado em qualquer lugar.

É por isso que ele é indicado para qualquer tipo de empresa. Pode ser usado à distância, pelo celular, computador ou tablet, o que é importante para colaboradores que prestam serviços em home office, externos ou que se encontrem em viagem.

controle de ponto

Ao mesmo tempo ele pode ser instalado em um quiosque central de ponto dentro da própria empresa, o que dá total gestão aos gerentes quanto às atividades dos empregados independentemente de onde eles prestem serviços.

A escolha do melhor controle de jornada faz toda a diferença para a sua empresa e é por isso que o sistema digital se mostra o mais interessante e o melhor custo benefício.

Como adequar os empregados ao sistema digital para controle de ponto?

O uso do sistema digital de ponto como o da Oitchau é extremamente fácil e intuitivo. Diante disso não se tem grandes dificuldades de uso pelos empregados e a adaptação ocorre de maneira rápida e natural.

Ao mesmo tempo é importante que haja a devida instrução deles em relação à importância em realizar de maneira correta as marcações de ponto de todos os horários (entrada, saída, começo e final de intervalos).

O que fazer em caso de desrespeito à gestão da jornada?

Quando os empregados se recusam a cumprir corretamente com a marcação de ponto é preciso que a empresa tome algum tipo de atitude para evitar a reincidência desse tipo de comportamento.

controle de ponto

Note que o controle de jornada é uma obrigação estabelecida por lei que cabe à empresa. Em caso de ação trabalhista reclamando a ausência de pagamento correto de horas extras a organização empresarial deve apresentar aos autos os cartões de ponto e holerites para comprovar que fez tudo de forma correta.

Descumprimento da Lei

Dentro dessa hipótese tem-se que no caso de apresentação de um controle de ponto incompleto a empresa estará em maus lençóis, tendo descumprido com a lei e correndo o perigo de ser condenada a pagar as horas extras alegadas pelo empregado em sua petição na Justiça do Trabalho.

Isso se deve ao fato de que a empresa não cumpriu com sue ônus da prova e isso pode ser muito desgastante financeiramente. Por isso é crucial que os empregados sejam orientados a realizar a marcação de forma correta e que sejam controlados quanto a isso.

Nos primeiros dias e meses em que o controle de jornada é instalado é indicado que o gestor analise com certa freqüência o registro pelos empregados que ainda estão se adaptando à nova realidade. Com isso é possível corrigir condutas desde logo e evitar maiores problemas.

Marcação indevida

Quando o empregado é reincidente na não marcação isso pode se tornar um problema para a empresa e é indicado o uso de advertência, de forma que a empresa se resguarda em caso de ação trabalhista que utilize qualquer tipo de falha na marcação de ponto.

Aqui novamente cabe destacar a importância do sistema digital de jornada uma vez que ele facilita que os empregados não deixem de registrar seus horários.

controle de ponto

Esse fator é decorrente da não exigência de porte de crachá ou senha e do uso da própria digital ou imagem do rosto do empregado para realizar a marcação.

Com essas dicas a sua empresa estará no caminho certo na instalação do controle de jornada para os empregados, evitando problemas trabalhistas e cumprindo devidamente com a lei.


PREÇOS A PARTIR DE APENAS R$ 300/mês

Junte-se a milhares de clientes satisfeitos que fazem a gestão de seus times com Oitchau