Controle de Ponto e RH - Gestão de Pessoas

10 TED Talks sobre desafios que todo empreendedor deve assistir!

Para quem busca novas maneiras de enxergar problemas e soluções, escolhemos um top 10 apresentações do TED Talks – Ideas worth spreading (todas legendadas) sobre o assunto!

É comum na rotina de empreendedores passar por reflexões e questionamentos tanto sobre seus negócios quanto seus papéis no mundo e o futuro dele.

Isso acontece porque ser empreendedor é lidar com desafios o tempo todo, tomar uma quantidade enorme de decisões por dia e buscar soluções para problemas a todo o tempo. E isso exige muita criatividade e mente aberta para encontrar e criar caminhos.

Uma consequência de lidar com tantos desafios é que você começa a se perguntar: será que vou conseguir mais uma vez superar esse desafio? Como será possível superá-lo?

 

1) “Pão em fatias”, por Seth Godin

Num mundo em que temos tantas opções e tão pouco tempo, nossa solução óbvia é ignorar o ordinário. O guru do Marketing Seth Godin explica porquê, quando se trata de capturar nossa atenção, ideias más ou bizarras são mais bem sucedidas que as ideias comuns.

 

2) “Vamos educar as crianças para serem empreendedoras”, por Cameron Herold

Entediado na escola, fracassando nos estudos, discordando com colegas: essa criança deve ser uma empreendedora, é o que diz Cameron Herold. No TEDxEdmoton, ele estimula a criação e educação que ajudará futuros empreendedores a amadurecerem – como crianças e adultos.

 

3) “Porque não se trabalha no trabalho”, por Jason Fried

Jason Fried tem uma teoria radical sobre o trabalho, que diz que o escritório não é um bom lugar para fazê-lo. Na TEDxMidwest ele apresenta os principais problemas (os chama de C&Rs) e oferece três sugestões para fazer o trabalho funcionar.

 

4) “O segredo feliz para trabalhar melhor”, por Shawn Achor

Acreditamos que devemos trabalhar para sermos felizes, mas será que poderia ser o contrário? Nesta palestra de fala rápida e divertida do TEDxBloomington, o psicólogo Shawn Achor argumenta que, na verdade, a felicidade inspira a produtividade.

 

5) “Um criador de aplicativos de 12 anos”, por Thomas Suarez

Muitos meninos de 12 anos adoram jogar videogames, Thomas Suarez aprendeu sozinho a criá-los. Depois de desenvolver aplicativos para o iPhone como “Bustin Jeiber,” um jogo de “Marrete a Toupeira”, ele está agora usando suas habilidades para ajudar outras crianças a se tornarem criadores.

 

6) “Mulheres empresárias, exemplo não exceção”, por Gayle Tzemach Lemmon

Mulheres não são micro, então por que elas só conseguem microempréstimos? Em TEDxWomen, a repórter Gayle Tzemach Lemmon argumenta que mulheres administrando todos os tipos de empresas – de negócios na própria casa às maiores fábricas – são a solução negligenciada para o desenvolvimento econômico.

 

7) “Como os grandes líderes inspiram à ação”, por Simon Sinek

Simon Sinek possui um modelo simples mas potente de liderança inspiradora, partindo de um círculo dourado e da pergunta “Por quê?” Os seus exemplos incluem a Apple, Martin Luther King e os irmãos Wright – e, como contraponto, o sistema TiVo, o qual (até recentemente ter ganho um caso no tribunal que fez triplicar o valor das suas ações) parecia estar a passar por dificuldades.

 

8) “Esmague o medo e aprenda o que quiser”, por Tim Ferriss

Da EG conference: as divertidas e encorajadoras anedotas do guru em produtividade Tim Ferriss mostram como uma simples questão: “O que é o pior que pode acontecer?” É tudo o que você precisa para aprender a fazer qualquer coisa.

 

9) “Como venci um troll de patentes”, por Drew Curtis

Drew Curtis, o fundador da fark.com, conta a história de como ele lutou contra uma ação judicial de uma empresa que tinha uma patente, “(..) para a criação e distribuição de notícias via email.” Ao mesmo tempo, ele compartilha algumas estatísticas bizarras sobre o crescente problema das patentes sem fundamento legal.

 

10) “Como o superávit cognitivo mudará o mundo”, por Clay Shirky

Clay Shirky analisa o “superávit cognitivo” – o trabalho online compartilhado que realizamos com os nossos ciclos cerebrais extras. Enquanto estamos ocupados editando a Wikipedia, postando informações no Ushahidi (sim, e até mesmo repassando fotos engraçadinhas de gatos), estamos construindo um mundo melhor e mais cooperativo.